Notícias do Movimento Espírita

São Paulo, SP,  terça-feira, 22 de novembro de 2016

Compiladas por Ismael Gobbo

 

ismaellogo copy

http://ismaelgobbo.blogspot.com.br/          

 

Acessar o boletim de notícias aqui:

http://www.noticiasespiritas.com.br/2016/NOVEMBRO/22-11-2016.htm

ou

https://www.facebook.com/ismael.gobbo.1

 

 

Parcerias

Rede Amigo Espírita:    http://www.redeamigoespirita.com.br/

Agenda Espírita Brasil: http://www.agendaespiritabrasil.com.br/

 

 

Editoração: Ismael Gobbo, São Paulo, SP.

Envio: Ismael Gobbo (SP) e Wilson Carvalho Júnior, Araçatuba (SP)

 

 

Notas

1. Recomendamos confirmar junto aos organizadores os eventos aqui divulgados. Podem ocorrer cancelamentos ou mudanças que nem sempre chegam ao nosso conhecimento.

2. Este e-mail é uma forma alternativa de divulgação de noticias, eventos, entrevistas e artigos espíritas. Recebemos as informações de fontes  diversas e fazemos o repasse aos destinatários de nossa lista de contatos. Trabalhamos com a expectativa de que as informações que nos chegam sejam absolutamente espíritas na forma como preconiza o codificador do Espiritismo, Allan Kardec.  Pedimos aos nossos diletos colaboradores que façam uma análise criteriosa e só nos remetam para divulgação matérias genuinamente espíritas.  O trabalho é totalmente gratuito e conta com ajuda de colaboradores voluntários (Ismael Gobbo).

 

 

Atenção

Se você tiver dificuldades em abrir o arquivo, recebê-lo incompleto ou cortado e fotos que não abrem, clique aqui:

http://www.noticiasespiritas.com.br/2016/NOVEMBRO/22-11-2016.htm

 

No Blog onde é  postado diariamente:

http://ismaelgobbo.blogspot.com.br/

 

Ou no Facebook:

https://www.facebook.com/ismael.gobbo.1

 

 

 

 

   

Os últimos 5 emails enviados:

 

DATA                                        ACESSE CLICANDO NO LINK

 

21-11-2016     http://www.noticiasespiritas.com.br/2016/NOVEMBRO/21-11-2016.htm

19-11-2016     http://www.noticiasespiritas.com.br/2016/NOVEMBRO/19-11-2016.htm

18-11-2016     http://www.noticiasespiritas.com.br/2016/NOVEMBRO/18-11-2016.htm

17-11-2016     http://www.noticiasespiritas.com.br/2016/NOVEMBRO/17-11-2016.htm

16-11-2016     http://www.noticiasespiritas.com.br/2016/NOVEMBRO/16-11-2016.htm

 

 

 

 

 

Mensagem do dia

 

 

 

 

 

 

 

                    

A FORÇA DO AGORA

 

“(...) Viver intensamente o agora é uma atitude de sabedoria que não pode ser postergada, o que equivale a experienciar as lições da vida sob o ponto de vista da ética e da moral, mediante projetos e compromissos de autoiluminação, conquistando aos poucos as áreas sombrias da personalidade, ao tempo em que sejam superados os fatores de perturbação da conduta.”

 

 

                               (Joanna de Ângelis/ Divaldo Franco, livro Seja Feliz Hoje – 1ª  edição,  p. 32   -Editora LEAL)

 

                                               Desenho: Fátima Oliveira

                                Mansão do Caminho - Salvador, Bahia, Brasil.

 

 

ESPANHOL

 

 

 

 

 

 

 

                    

LA POTENCIA DEL AHORA

 

...Vivir intensamente el ahora es una actitud de sabiduría que no se debe postergar, lo que equivale a experimentar las lecciones de la vida desde el punto de vista de la ética y de la moral, mediante proyectos y compromisos de autoiluminación, de modo de conquistar poco a poco las zonas oscuras de la personalidad, al mismo tiempo que sean superados los factores de perturbación de la conducta.

 

 

                                                        Joanna de Ângelis/Divaldo Franco - Libro Sea feliz hoy – Editora LEAL

                                                                       Creación: Fátima Oliveira

                                                            Mansión del Camino - Salvador, Bahia, Brasil.

 

 

(Recebido em emails da tradutora MARTA GAZZANIGA [[email protected]], Buenos Aires, Argentina)

 

 

 

Publicação em sequência

A Gênese

 

 

 

 

 

 

 

 

(Copiado de Febnet)

Mole Antonelliana, Turim, Itália. Foto Ismael Gobbo

 

* É uma estrutura em alvenaria cuja construção se deu entre 1863 e 1897. Tem altura de 168 metros.

 

Pilares da Criação. Imagem famosa colhida pelo Telescópio Espacial Hubble.

Imagem/fonte : https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Pillars_2014_HST_denoise_0.6_12.jpg

 

 

 

 

 

 A flor e o espinho

 

 

 

Richard Simonetti

[email protected]

 

 

Medições precisas demonstram que a Terra tem perto de quatro bilhões e quinhentos milhões de anos. Imaginemos a história de nosso planeta contada num livro de quinhentas páginas. O ser humano surgiria na derradeira linha da última página. A última letra da palavra final conteria toda a Civilização Ocidental.

            Segundo Darwin, a evolução dos seres vivos se processa por seleção natural. Indivíduos de uma mesma espécie conseguem adaptar-se a determinada situação, a partir de sutis modificações em sua estrutura, dando origem a mutações que resultam em novas espécies. Processo lento. Demanda milhões de anos.

            A Doutrina Espírita admite a seleção natural, mas com reparo fundamental: Nada é aleatório. Há um planejamento feito por Espíritos Superiores, prepostos divinos.

            Nosso corpo físico, que causa espanto aos cientistas por sua perfeição, levou milhões de anos para ser aprimorado pelos técnicos espirituais, que trabalham na intimidade das células, direcionando as mutações. Tudo isso implica em organização, marcada por uma hierarquia.

             No topo a figura extraordinária de Jesus, que segundo informa Emmanuel, no livro A Caminho da Luz, psicografia de Francisco Cândido Xavier, não foi simplesmente o fundador de uma religião. Muito mais que isso – é nosso governador!

            Alunos do educandário terrestre, temos recebido a visita de muitos professores, cultos e sensíveis, que periodicamente nos trazem algo de seus conhecimentos, de suas virtudes. Sócrates, Platão, Aristóteles, Confúcio, Buda, Lao-tsé, Moisés, Isaías e Francisco de Assis, são alguns deles.

            E houve a revelação maior, tão grandiosa, tão transcendente, que o próprio governador decidiu trazê-la pessoalmente. Foi assim que Jesus aportou no planeta com a divina revelação do Amor.

            A palavra amor, embora empregada e decantada hoje mais do que nunca, está repleta de conotações infelizes que a desgastam.

            Muitos confundem amor com sexo, ignorando a lição elementar de que o sexo é apenas parte do amor e não a mais importante.

            Há os que fazem do amor um exercício de exclusivismo, sufocando o ser amado com exigências descabidas.

            Há os que amam como quem aprecia um doce. Gostam dele porque satisfaz o paladar… Assim, cansam-se logo de amar, porque estão saciados ou empolgados por novos sabores.

            Há os que fazem do amor um exercício de egoísmo a dois, pretendendo construir um céu particular. Dane-se o resto.

            O amor é muito mais que isso! Em sua grandeza essencial, o amor é um exercício de fraternidade e solidariedade entre os homens, inspirando a derrubada das barreiras de nacionalidade, raça e crença, para que sejamos na Terra uma grande família.

            Foi para nos transmitir essa revelação gloriosa, esse tipo de amor, que Jesus esteve entre nós, não desdenhando lutas e sacrifícios.

            Na questão 625, de O Livro dos Espíritos, Kardec pergunta:

            Qual o modelo supremo que Deus ofereceu ao Homem para lhe servir de guia e modelo?

            Responde o mentor espiritual que o assiste: Jesus.

            E comenta o codificador: Para o homem, Jesus constitui o tipo da perfeição moral a que a Humanidade pode aspirar na Terra. Deus nô-lo oferece como o mais perfeito modelo e a doutrina que ensinou é expressão mais pura da Lei do Senhor, porque, sendo ele o mais puro de quantos têm aparecido na Terra, o Espirito divino o animava.

            Adeptos de qualquer doutrina religiosa vinculada ao Cristianismo, abençoados os que aceitam Jesus por Mestre, que colocam em prática as suas lições e observam seus exemplos.

            Estes vivem sempre bem, felizes, e animados, mesmo em meio às dores e atribulações humanas, porque, como diz Carmem Cinira, psicografia de Francisco Cândido Xavier (Parnaso de Além-Túmulo):

            … com o mundo uma flor tem mil espinhos,

            Mas com Jesus, um espinho tem mil flores.

           

 

 A casa entre as rosas. Claude Monet.

Imagem/fonte: https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/0/0d/Monet_-_Das_Haus_in_den_Rosen.jpeg 

 

 

Registro. Divaldo Pereira Franco em

Catanduva, SP

 

 

19-11-2016.

 

“É fundamental, à criatura humana, em sua vilegiatura carnal, encontrar o sentido existencial. A perda desse objetivo condu-la ao desespero ou à indiferença por tudo quanto lhe acontece, empurrando-a pela via da morte emocional, sem que tenha estímulos para as lutas que se apresentam, convidando-a ao crescimento e à felicidade”. Joanna de Ângelis

 

O Clube de Tênis  Catanduva foi o local escolhido pelo Núcleo Educacional Joanna de Ângelis para acomodar cerca de 1.500 pessoas que ali compareceram para participarem da conferência de Divaldo Franco na noite de 19 de novembro de 2016.

Divaldo Franco inicia a conferência abordando – de maneira muito clara e elucidativa – o grande paradoxo da criatura humana nos dias atuais.

De um lado os grande avanços da Ciência e da Tecnologia que desnudou as estruturas sub atômicas e invadiu o Cosmo perscrutando e desvelando seus maiores segredos.

Essa mesma Ciência nos permitiu alongar a expectativa de vida que, em pouco mais de 20 séculos, ampliou a idade média dos humanos de 35 para os atuais 78 anos, mediante a erradicação de moléstias que no passado recente dizimaram populações inteiras.

A tecnologia, em suas múltiplas especialidades, gerou grande conforto solucionando problemas e dificuldades que exauriram a humanidade por muito tempo. A comunicação em tempo real entre, praticamente, todas as regiões do globo terrestre, encurtam distâncias e aproximam pessoas.

Mas, por outro lado, nunca foi tão presente e eloquente o desencanto das criaturas como se observa no presente momento. Acompanhando o crescimento acelerado do PIB da economia da maioria dos países, segue igualmente junto a taxa de suicídios. A Organização Mundial da Saúde divulgou recentemente que, em alguma parte do mundo, uma pessoa morre pelo suicídio a cada 4 segundos. Por ano, em todo o mundo, mais de 850.000 pessoas fugiram da vida pelo suicídio. Mais do que o dobro do daqueles vitimados pelas guerras, revolução e violência armada.

Projeções tenebrosas nos informam que por volta de 2025 que o suicídio será a primeira causa de morte – impulsionada pela depressão causa primária.

Diante desse paradoxo nós nos perguntamos: Por quê?

Com uma pequena pausa, Divaldo possibilita aos presentes a chance de refletirem na importante questão. E rompendo o silêncio que se fez natural, ele nos apresenta o diagnóstico para essa situação.

A criatura humana perdeu o sentido existencial da vida.

A eleição do comportamento hedonista – ganhar dinheiro para comprar e gozar o prazer de ter – nos faz adotar metas transitórias, efêmeras e imediatistas fomentando o sexismo, o individualismo e o consumismo.

Viktor E. Frankl, autor do livro Em Busca de Sentido e sobrevivente dos campos de extermínios nazista, afirmava: “Se percebemos que a vida realmente tem um sentido, percebemos também que somos úteis uns aos outros. Ser um ser humano, é trabalhar por algo além de si mesmo. A vida para ser digna tem que ter um objetivo”.

A criatura humana – que não se conhece – confunde com muita facilidade Felicidade e Prazer. Divaldo, então - fazendo parecer fácil uma coisa tão complexa – apresenta  os conceitos Junguianos de Felicidade (emoção) e Prazer (sensação).

Conforme Jung a Felicidade é o estado interior que flui do Self (aquilo que somos, o nosso eu) para o Ego (aquilo que aparentamos; a máscara da persona). Já o Prazer promana dos Instintos e flui do Ego para o Self.

Nesse mecanismo nos desorientamos e confundimos EMOÇÕES (produzidas a partir dos nossos sentimentos) com SENSAÇÕES. (produzidas a partir dos estímulos sensoriais físicos) e nessa confusão priorizamos o Prazer em detrimento à Felicidade e passamos a buscar o comportamento hedonista (sexismo, individualismo e consumismo) anteriormente abordada.

O resultado é o vazio existencial.

Uma vez mais Divaldo faz uma pausa e a eloquência do silencio revela que os presentes assimilaram e compreenderam o Diagnóstico dos sofrimentos humanos da atualidade.

Divaldo, agora, apresenta-nos a medicação que vem nos auxiliar a substituir o vazio existencial pela solidariedade.

A Doutrina Espírita – nos seus aspectos religiosos, filosóficos e científicos - é capaz de preencher esse vazio existencial, por nos oferecer metas que concorrem para o real sentido da vida: a evolução intelecto-moral. A de sermos hoje, melhores do que ontem e amanhã melhores do que hoje.

E Divaldo finalizando nos convida a riscarmos de nossas vidas o pessimismo dos dias atuais proporcionado pelo despautério, cinismo e desvario de alguns.

A vida vale a pena ser vivida. A Felicidade é sim, possível desde que o ser humano logre aprender a ser feliz de acordo com as circunstâncias, incorporando e vivendo a certeza da transitoriedade do seu corpo físico e da sua eternidade espiritual.

E no ápice da apresentação Divaldo aponta para a multidão e afirma: “Se olharmos nossa vida, com certeza teremos tido mais momentos de felicidades do que de desdita”. E num transporte de emoções indescritíveis encerra a conferência com o Poema da Gratidão testemunhando de maneira inequívoca o quanto temos a agradecer à Divindade pelas benesses que Dela temos recebido.

De alma renovada e com os corações alimentando novas esperanças a multidão vai se retirando. Lentamente.

Diagnóstico apresentado.

Medicação receitada.

Agora nos compete – e somente a nós - fazer uso do remédio.

Nunca ficou tão clara a mensagem e o alerta de Jesus: “Onde estiver o teu tesouro, aí também estará o teu coração”. (Mateus 6:21)

Fotos: Sandra Patrocinio
Texto: Djair de Souza Ribeiro

 

 

 

 

 

(Texto em português recebido em email de Jorge Moehlecke)

 

 

ESPANHOL

 

 

DIVALDO FRANCO EN CATANDUVA, SAN PABLO - 19-11-2016.
 
    Es fundamental que la criatura humana, durante la temporada dentro de la envoltura de carne, encuentre el sentido de su existencia. La pérdida de ese objetivo la conduce a la desesperación, o a la indiferencia hacia todo lo que le acontece, y la empuja hacia la vía de la muerte emocional, por carecer de estímulos para las luchas que se le presentan, que la invitan al crecimiento y a la felicidad. - Joanna de Ângelis

 

    El Club de Tenis Catanduva fue el lugar elegido por el Núcleo Educacional Joanna de Ângelis para dar ubicación a cerca de 1.500 personas, que concurrieron para participar de la conferencia de Divaldo Franco, en la noche del 19 de noviembre de 2016.

    Divaldo Franco da comienzo a la conferencia aludiendo –de manera muy clara y explicativa– a la gran paradoja de la criatura humana, en los días actuales.

    Por un lado se hallan los grandes avances de la Ciencia, y también de la Tecnología, que develó las estructuras subatómicas e invadió el Cosmos, descifrando sus mayores secretos.

    Esa misma Ciencia nos ha permitido prolongar la expectativa de vida que, en poco más de 20 siglos, amplió la edad promedio de los humanos, de 35 a los actuales 78 años, mediante la erradicación de enfermedades, que en el pasado reciente diezmaron a poblaciones enteras.

    La tecnología, en sus múltiples especialidades, generó un importante confort, al dar solución a problemas y dificultades que fueron motivo de aniquilación de la humanidad, durante mucho tiempo. La comunicación en tiempo real entre, prácticamente, todas las regiones del globo terrestre, acortan las distancias y aproximan a las personas.

    No obstante, por otro lado, nunca ha sido tan presente, ni tan elocuante la desilusión de las criaturas, como se observa en el momento presente. Acompañando el crecimiento acelerado del PBI -relativo a la economía de la mayoría de los países-, está, también, la cantidad de suicidios. La Organización Mundial de la Salud ha difundido recientemente que, en algún lugar del mundo, una persona muere por suicidio cada cuatro segundos. Por año, en todo el mundo, más de 850.000 personas han escapado de la vida a través del suicidio. Es decir, más del doble de quienes han sido víctimas de las guerras, de alguna revolución y de violencia a través de armas.

    Pronósticos tenebrosos nos informan que para el año 2025, el suicidio será la primera causa de muerte –impulsada por la depresión como causa primera.

    Ante esa paradoja nos preguntamos: ¿Por qué?

    Mediante una breve pausa, Divaldo da lugar a que los presentes  reflexionen sobre tan importante cuestión. Y, luego, rompe el silencio que se produjo espontáneamente, para presentar el diagnóstico correspondiente a esa situación.

La criatura humana ha perdido el sentido existencial de la vida.

    La elección del comportamiento hedonista –ganar dinero para comprar, y gozar el placer de tener– nos hace adoptar metas transitorias, efímeras e inmediatistas, fomentando el sexismo, el individualismo y el consumismo.

    Viktor E. Frankl, autor del libro En busca de sentido, y sobreviviente de los campos de exterminio nazi, afirmaba: Si percibimos que la vida realmente tiene un sentido, percibimos también que somos útiles los unos a los otros. Ser un ser humano, es trabajar por algo que está más allá de uno mismo. La vida, para ser digna, debe tener un objetivo.

    La criatura humana –que no se conoce– confunde con mucha facilidad Felicidad con Placer. Divaldo, entonces, haciendo que parezca fácil algo tan complejo, menciona los conceptos Junguianos de felicidad (emoción) y placer (sensación).

    De conformidad con Jung, la Felicidad es el estado interior que fluye del Self (aquello que somos, nuestro yo) hacia el Ego (aquello que aparentamos; la máscara de la persona). Por cierto, el placer deriva de los instintos y fluye del Ego hacia el Self.

    En cuanto a ese mecanismo, nos desorientamos y confundimos EMOCIONES (producidas a partir de nuestros sentimientos) con SENSACIONES (producidas a partir de los estímulos sensoriales físicos) y en esa confusón priorizamos el Placer en detrimento de la Felicidad, y comenzamos a buscar el comportamiento hedonista (sexismo, individualismo y consumismo) al que anteriormente hemos aludido.

    El resultado es el vacío existencial.

    Una vez más Divaldo hace una pausa, y la elocuencia del silencio revela que los presentes han asimilado y comprendido el diagnóstico de los sufrimientos humanos en la actualidad.

    Divaldo, entonces, nos presenta la medicación que viene a auxiliarnos, para sustituir el vacío existencial por la solidaridad.

    La Doctrina Espírita –en sus aspectos: religioso, filosófico y científico- es capaz de llenar ese vacío existencial, porque nos ofrece metas que confluyen hacia el verdadero sentido de la vida: la evolución intelecto-moral. El sentido de que seamos hoy, mejores que ayer, y mañana mejores que hoy.

    Para concluir, Divaldo nos invita a que expulsemos de nuestras vidas el pesimismo de los días actuales, aportado por el despropósito, el cinismo y el desvarío de algunos.

    La vida merece ser vivida. La felicidad es, en efecto, posible a partir de que el ser humano logre aprender a ser feliz, de acuerdo con las circunstancias, incorporando y experimentando la certeza de la transitoriedad de su cuerpo físico, y de su eternidad espiritual.

    Para culminar la presentación, Divaldo apunta hacia la multitud y afirma: Si analizáramos nuestra vida, con certeza hallaremos que hemos tenido más momentos de felicidad que de desdicha. Y en un transporte de emociones indescriptibles concluye la conferencia con el Poema de la Gratitud dando testimonio de modo inequívoco, de cuánto tenemos que agradecer a la Divinidad por las bendiciones que de ella hemos recibido.

    Con el alma renovada y con los corazones alimentando nuevas esperanzas, la multitud se va retirando. Lentamente.

    Diagnóstico presentado.

    Medicación recetada.

    Ahora nos compete –solamente a nosotros- hacer uso del remedio.

    Nunca quedó tan en claro el mensaje y la advertencia de Jesús:    Donde esté tu tesoro, allí también estará tu corazón. (Mateo, 6:21)

 

Fotos: Sandra Patrocinio
Texto: Djair de Souza Ribeiro

 

 

(Texto em espanhol recebido da tradutora MARTA GAZZANIGA [[email protected]])

 

 

 

 

 Palestra no C.E. Francisco Cândido Xavier

São José do Rio Preto, SP

 

Meus amigos,

Convidamos para a palestra com

 

JANE MAIOLO,

 

de Jales, no Centro Espírita Francisco Cândido Xavier, situado à Av. Alfredo Theodoro de Oliveira, 2195 - Solo Sagrado, São José do Rio Preto - SP, nesta quarta-feira, 23 de novembro, 20:00 h, e também para o cafezinho fraterno.

Abraços.

 

Navarro
São José do Rio Preto - SP
(17) 3228-0111 e 99702-7066


Conheça:

www.esperanto.org.br

www.agendaespiritabrasil.com.br

www.chicoxavierriopreto.com.br

 

 

(Informações recebidas em emails de Antonio Carlos Navarro e de João Marchesi Neto)

 

 

 

 

 

 Pintura Mediúnica: Valdelice Salum no F.E. Gina

São Paulo, SP

 

 

(Informação recebida em email de ribeiroregi [[email protected]])

 

 

 

 

 Vídeos de palestras

Três Lagoas e Andradina, SP

 

Prezados Irmãos:

 

Segue abaixo link das Palestra de nossos Irmãos:   Antonio Cesar Perri de Carvalho e Ralf Kruger d'Almeida

Da cidade de: de Brasilia-DF e Andradina-SP

Do dia:  19 e 20/11/2016

Tema: Epístolas de Paulo à Luz da Doutrina Espírita, O Homem de Bem e Conduta Espírita

A Palestra do dia 19/11/2016 foi proferida no dia 19/11/2016 no Grupo da Fraternidade Espírita "JOsé XAvier", Três Lagoas, MS.

As Palestras do dia 20/11/2016 foram proferidas no Centro Espírita Fé e Caridade, Andradina, SP, por ocasião do XXVI Encontro dos Trabalhadores Espíritas da Região de Urubupungá, organizado pela USE Regional.

 

Links: https://www.youtube.com/watch?v=iRWE4InIZ2w

            https://youtu.be/X5NbKsMrYiw

            https://youtu.be/J64Ds-IMr78

 

Para assistir aos outros vídeos de palestras postados no Youtube, acesse o canal através do link:

https://www.youtube.com/results?search_query=claudio+delbone

 

Ou acesse: www.youtube.com

No canto inferior esquerdo da tela clique em “procurar canais”

No campo: “pesquisar” digite: claudio delbone”.

 

Grato

 

Claudio Delbone

Contador CRC SP118784/O-5 T-MS

(67) 3521.7511  (67) 99965.7511

(Informação recebida em email de Claudio Delbone)

 

 

 

 

 

 Palestra no Centro Espírita Antonio de Pádua

Palmital, SP

 

 

 

(Informação recebida em email de Francisco Atilio Arcoleze [[email protected]])

 

 

 

 

Palestras em Niterói e

 Caravana Chico Xavier com Célia Maria

 

A Caravana Chico Xavier, coordenada por Hélio Ribeiro, diretor do Instituto Espírita Bezerra de Menezes (IEBM) de Niterói, visitou instituições do Sul do Estado do Rio de Janeiro, nos dias 19 e 21 de novembro, tendo como convidada e expositora Célia Maria Rey de Carvalho (do GEECX, DF; ex-diretora da FEB). A Caravana, utilizando um ônibus especial e com muitos dirigentes e colaboradores do Instituto Espírita Bezerra de Menezes, e também a visitante Marise Ceban (Itupeva, SP), fez visita a Lar de Idosos, com doação de campanhas. A expositora fez palestras sobre temas de livros de Chico Xavier: na Instituição Cristã Espírita Bezerra de Menezes, em Barra Mansa; Centro Espírita "Paulo de Tarso", em Resende; e no C.E. "Francisco Cândido Xavier", em Itatiaia. Neste último local ocorreram psicografias por Hélio Ribeiro. Em todos os locais houve ambiente muito fraterno, exposição de livros, números musicais  e refeições coletivas. Nos dias anteriores, a convidada Célia fez palestras em Niterói no C.E.Irmã Rosa, na sede do IEBM, Sociedade Espírita da Fé e Grupo Espírita Paz e Renovação (Creche Meimei). Informações: www.iebm.org.br

 (Informação recebida em email de Grupo de Estudos Espíritas Chico Xavier [[email protected]])

 

 

(GEPAR, Niterói; Barra Mansa, Célia fala no Bezerra de Menezes; Caravana, C.E. Chico Xavier, Célia e dirigente Roberto Fonseca; C.E. Chico Xavier, palestra Célia e Hélio; Caravana-C.E. Chico Xavier, Célia com Marise, organizadores;  Itatiaia- Caravana, Célia com integrantes da Caravana e Marise)

 

 

 

 

 Newsletter Dirigente Espírita

Use/São Paulo

 

Acesse:

http://us8.campaign-archive2.com/?u=f01a19e5a4be3a48fdac60efa&id=8529a466fa&e=bce6fbd28f

 

 

 

 

 

 

 

 

Programação do Centro de Cultura Espírita de

Caldas da Rainha, Portugal

 

ESPÍRITOS EM SCOLE (UK) - (C.RAINHA)

Na sexta-feira, dia 25 de Novembro de 2016, às 21H00, no Centro de Cultura Espirita de Caldas da Rainha, haverá uma palestra pública alusiva ao tema "Espíritos em Scole (UK)".

 

Esta palestra terá lugar na sede do Centro de Cultura Espírita, no Bairro das Morenas, em Caldas da Rainha, na Rua Francisco Ramos, nº 34, r/c.


As entradas são livres e gratuitas.
Este centro tem página na Internet em https://cceespirita.wordpress.com e e-mail ccespiri[email protected]

Fonte: CCE (C. Rainha)

 

 

 

 

 

CURSO COMO PALESTRAR NOS CENTROS ESPÍRITAS (C.RAINHA)



O Centro de Cultura Espírita de Caldas da Rainha vai dar inicio no próximo dia 26 de Novembro um curso COMO PALESTRAR NOS CENTROS ESPÍRITAS, que terminará em 28 de Janeiro de 2017.



Sábados - 17H00 - Centro de Cultura Espírita, Caldas da Rainha
Inscrições - 
[email protected] (curso gratuito)



Destinado a:

- palestrantes de centros espíritas do Oeste, 

- a possíveis palestrantes, 

- aos grupos de jovens e 

- a trabalhadores dos centros espíritas



Falar e comunicar são coisas diferentes... 



O Centro de Cultura Espírita tem sede no Bairro das Morenas, em Caldas da Rainha, na Rua Francisco Ramos, nº 34, r/c, e tem página na Internet em https://cceespirita.wordpress.com e e-mail [email protected]



Fonte: CCE



_ _

 

António Luís

[email protected]

(+351) 914 269 532

 

Sugestões:

https://cceespirita.wordpress.com/

http://adeportugal.org

 

"Começa, aceitando a própria vida, tal qual é, procurando melhorá-la com paciência" - Emmanuel

 

(Informações recebidas em email de António Luís [[email protected]])

 

 

 

 

XIX Encontro Para Estudo da Ciência Espírita

Poços de Caldas, MG

 

 

(Informação recebida em email de VisaoEspiritaTv [[email protected]])

 

 

 

 

 

 

 

Informações do Light and Peace Spiritist Centre

Adelaide, Austrália

 

Acesse:

http://www.lightandpeace.org/

 

 

 

 

 

Palestra na Associação Espírita Fraternal

Nova Friburgo, RJ

 

 

(Informações recebidas em email de Giovana Campos)

 

 

 

 

 

Programação do C.E. Allan Kardec

Penápolis, SP

 

 

Imagem inline 1

Obs.: Se não deseja receber esta programação semanal​, envie a palavra "CANCELAR" para email [email protected] , pelo que agradecemos.

 

--

 

Centro Espírita Allan Kardec

Avenida Luís Osório, 1262

Penápolis - SP

allankardecpenapol[email protected]

https://www.facebook.com/allankardecpenapolis

 2015, 150 anos do livro O Céu e o Inferno

 

 

(Informações recebidas em emails do CEAK e de João Marchesi Neto)

 

 

 

 Programação de palestras no Centro Espírita Emmanuel

São Paulo, SP

 

 

(Informação recebida em email de Claudio Palermo - RBN [[email protected]])

 

 

 

Evangelho Musical no LELA

Diadema, SP

 

PALESTRA MENSAL 2016 11 26 rev0.png

 

(Informação recebida em email de Divulgacao Luz e Amor [[email protected]])

 

 

 Boletim SEI – Serviço Espírita de Informações

Rio de Janeiro, RJ

 

ACESSE O BOLETIM NOVEMBRO/2016 AQUI: http://boletimsei.blogspot.com.br/2016/11/boletim-sei-de-novembro.html

 

 

 

2º. Encontro Nacional Espírita de Surdos e Ouvintes

São Paulo, SP

(Informação recebida em email de Norberto Fátima [[email protected]])

 

 

 

 

 Confraternização de Natal no CESAK

Bruxelas, Bélgica

 

 

Le Cesak Bruxelles vous invite

chaleureusement à sa traditionnelle
 


Fraternisation de Noël

  

Le dimanche 11 décembre 2016

15h00 ouverture des portes
15h30 évangile
16h00 rassemblement chaleureux autour de qeulques délicieuses petites spécialités culinaires 

Entrée libre et gratuite
Amenez si possible une petite spécialité à manger ou à boire (sans alcool)

Au 134 rue Louis Hap
1040 Bruxelles
Tel: 0491 / 749 234

 

 

 

 

Copyright © 2016 Centre d'études Spirites Allan Kardec, ASBL, All rights reserved.
Vous êtes intéressés par le spiritisme et/ou avez participé un jour à nos activités

Our mailing address is:

Centre d'études Spirites Allan Kardec, ASBL

Rue Louis Hap, 134

Bruxelles 1040

Belgium


Add us to your address book



Want to change how you receive these emails?
You can
update your preferences or unsubscribe from this list

Email Marketing Powered by MailChimp

 

 

 

 Conferência com Divaldo Pereira Franco

Buenos Aires, Argentina

 

 

(Informação recebida em email de CEA [[email protected]]; em nome de; CEA [[email protected]])

 

 

Lanzamiento 23 y 24 de noviembre

 

 

Imágenes integradas 1

 

CONFEDERACIÓN ESPIRITISTA ARGENTINA
Sánchez de Bustamante 463
(C1173ABG) Ciudad de Buenos Aires
Tel./Fax: +54 11 4862-6314
e-mail: 
[email protected]
sitio web: www.ceanet.com.ar

Facebook: facebook.com/confederacion

 

 

 

 

 

 

 

Evento beneficente em prol do C.E. Casa do Caminho

Poços de Caldas, MG

 

CENTRO ESPÍRITA CASA DO CAMINHO

Rua Benedito Quinteiro, 20

BAIRRO

COHAB – Poços de Caldas – MG 

 

Imagem inline 1

 

​CONTAMOS COM SUA PRESENÇA E GENTILEZA NA DIVULGAÇÃO!​

 

(Informação recebida em email de Domingos B. Rodrigures [[email protected]])

 

 

 

 Almoço Beneficente da Casa do Evangelho Irmã Marli

São Paulo, SP

 

(Informação recebida em email de Ademir Mendes)

 

 

 

 Bazar Beneficente Cecor/Cairbar Schutel

Diadema, SP

 

Bazar do Final de Ano do CECOR/Cairbar Schutel

 

      Boa tarde caros amigos,

 

     Vamos prestigiar o Bazar do CECOR de 2016, começa nesta segunda.

      Um forte abraço,

 

       Sandro Claro

       Voluntária do CECOR

     

 

Imagem inline 1

(Informação recebida em email de sandra claro [[email protected]])

 

 

 

 

Agenda Espírita do CEAP

Rio de Janeiro, RJ

 

Solicitar por email para

[email protected]

 

 

 

 

Do outro lado

 

 

 

No consultório, o homem muito doente perguntou ao médico:

Doutor, o que existe do outro lado da vida?

O médico olhou seu paciente nos olhos, repousou a caneta sobre a mesa, cruzou os braços e respondeu calmamente:

Eu não sei!

Como não sabe? – Falou exasperado o paciente. Eu vou morrer, não sei o que existe do outro lado e o senhor me fala com esta tranquilidade?

Neste momento, ganidos se fizeram ouvir do lado de fora da porta. Logo em seguida, arranhões na madeira.

O médico se levantou, foi até a porta e a abriu. Um belo cão saltou feliz, nos braços do dono.

Agitava a cauda, lambia o médico, manifestando a sua alegria.

Então, o profissional atencioso olhou para o homem desolado e lhe disse:

Você viu o que fez este cão? Ele nunca estivera aqui, antes. No entanto, ele entrou na sala confiante, alegre, tão logo lhe foi aberta a porta.

E sabe por quê? Porque ele sabia que nesta sala estava seu dono.

Eu também. Não sei o que existe do outro lado da vida. Mas de uma coisa eu tenho certeza: o meu Senhor estará lá! Então, não há o que temer.

*   *   *

Ao longo das eras, o homem tem se indagado o que existe para além da tumba, como será a outra vida.

Em torno disso, teólogos e religiosos se têm posto a pensar e têm até estabelecido discussões acerca das ideias que fazem do que seja essa outra vida para onde todos iremos.

No século XIX, na França, um pedagogo francês indagou dos imortais a respeito e o véu começou a ser levantado, revelando um mundo cheio de vida.

Vida abundante como falou o Mestre de Nazaré.

Livros foram escritos dizendo de como essa vida prossegue para os Espíritos imortais que somos todos nós.

Mas nem todos creem nos Espíritos, nessas vozes dos céus. Nem todos creem na mediunidade e nos fenômenos da comunicação dos chamados mortos.

Contudo, todos os que nos dizemos cristãos, com certeza recordamos das palavras do Mestre Jesus, em Seu discurso de despedida, naquela noite de quinta-feira, precedendo a Sua prisão:

Não se turbe o vosso coração. Crede em Deus. Crede também em mim.

Na casa de meu Pai há muitas moradas. Se assim não fosse, eu vo-lo teria dito. Eu vou para vos preparar o lugar.

Portanto, tem razão o médico. Se nosso Senhor estará lá, se disse que iria à frente para nos preparar o lugar, é que nos aguarda.

Dessa forma, não importa o que mais exista lá. Não importa se temos ideias mais nítidas ou não do que exista para além da vida física.

Uma certeza temos: Jesus estará lá. Ele nos aguarda, Pastor de todas as ovelhas deste planeta e, como bom Pastor, nos receberá.

Pensemos nisso!

Redação do Momento Espírita, com base em texto que 
circula pela Internet, sem título e sem autoria e dos versículos
1 a 3 do cap. XIV do 
Evangelho de João.
Disponível no CD Momento Espírita, v. 17, Imortalidade e 
no livro Momento Espírita, v. 9, ed. FEP.
Em 21.11.2016.

 

 

 (O texto foi copiado do site Feparana)

 

 Estátuas de cães “Molossi” *. Museu Vaticano. Fotos Ismael Gobbo.

 

 

* Molossi são uma raça extinta de cães de caça.
Cópias romanas de originais helenísticos do século 3 aC.

 

 

 

Desprendimento

 

 

Pelo Espírito Emmanuel. Psicografia de Francisco Cândido Xavier.

Livro: Família. Lição nº 25. Página 154.

 

Fácil é desprender-se alguém da moeda que sobra, em favor do vizinho necessitado, mas é muito difícil projetar, a benefício dos outros, o sorriso de estímulo e o abraço da fraternidade que ajuda efetivamente.

Fácil é dar, de acordo com a nossa vontade e modo de ver ou sentir, mas é sempre difícil auxiliar o companheiro de jornada humana, segundo os projetos e aspirações que ele nos apresenta.

Fácil é desligar o coração de objetos e bens, no enriquecimento de quantos sejam simpáticos aos nossos caprichos individuais, mas é muito difícil ceder em favor daqueles que não nos acompanham as opiniões.

Fácil é transmitir o que nos custou esforço algum, entretanto, é difícil espalhar o que supomos conquista nossa.

Fácil é sacrificarmo-nos pela melhoria dos nossos amigos e familiares, no entanto, é sempre difícil a renunciação em auxílio dos que não oram pela cartilha de nossas devoções pessoais.

Fácil é libertar a palavra que ensina, mas é muito difícil desenvolver a ação que realiza.

Incontestavelmente, grande amor à Humanidade demonstra o aprendiz do Evangelho que distribui o pão e o remédio, o socorro e o ensinamento, a esmola e o auxílio, nas linhas materiais da vida; contudo, enquanto não aprendermos a dar de nosso suor, do nosso ponto de vista, do nosso concurso individual, do nosso sangue, do nosso tempo e de nosso coração, em favor de todos, não ingressaremos, realmente, no grande Templo da Humanidade, onde receberemos, edificados e felizes, o título de Companheiros e Discípulos de Jesus.

 

(Texto recebido em email do divulgador Antonio Sávio, Belo Horizonte, MG)

Cristo lavando os pés dos discípulos. Óleo sobre tela de Jacopo Tintoretto

Imagem/fonte: https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/f/fb/Jacopo_Tintoretto_-_Christ_washing_the_Feet_of_the_Disciples_-_Google_Art_Project.jpg

 

 

 

 

Em absoluto respeito à sua privacidade, caso não mais queira receber este boletim de notícias do movimento espírita, envie-nos um email solicitando a exclusão do seu endereço eletrônico de nossa lista. Nosso endereço: [email protected]