Notícias do Movimento Espírita

São Paulo, SP, segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Compiladas por Ismael Gobbo

 

ismaellogo copy

http://ismaelgobbo.blogspot.com.br/          

 

Acessar o boletim de notícias aqui:

http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/AGOSTO/14-08-2017.htm

ou

https://www.facebook.com/ismael.gobbo.1

 

 

Parcerias

Rede Amigo Espírita:    http://www.redeamigoespirita.com.br/

Agenda Espírita Brasil: http://www.agendaespiritabrasil.com.br/

 

 

Editoração: Ismael Gobbo, São Paulo, SP.

Envio: Ismael Gobbo (SP) e Wilson Carvalho Júnior, Araçatuba (SP)

 

 

Notas

1. Recomendamos confirmar junto aos organizadores os eventos aqui divulgados. Podem ocorrer cancelamentos ou mudanças que nem sempre chegam ao nosso conhecimento.

2. Este e-mail é uma forma alternativa de divulgação de noticias, eventos, entrevistas e artigos espíritas. Recebemos as informações de fontes  diversas via e-mail  e fazemos o repasse aos destinatários de nossa lista de contatos. Trabalhamos com a expectativa de que as informações que nos chegam sejam absolutamente espíritas na forma como preconiza o codificador do Espiritismo, Allan Kardec.  Pedimos aos nossos diletos colaboradores que façam uma análise criteriosa e só nos remetam para divulgação matérias genuinamente espíritas.

 

3. Este trabalho é pessoal e totalmente gratuito, não recebe qualquer tipo de apoio financeiro e só conta com ajuda de colaboradores voluntários. (Ismael Gobbo).

 

 

 

Atenção

Se você tiver dificuldades em abrir o arquivo, recebê-lo incompleto ou cortado e fotos que não abrem, clique aqui:

http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/AGOSTO/14-08-2017.htm

 

 

No Blog onde é  postado diariamente:

http://ismaelgobbo.blogspot.com.br/

 

Ou no Facebook:

https://www.facebook.com/ismael.gobbo.1

 

 

   

    

 

DATA                                        ACESSE CLICANDO NO LINK

 

 

12-08-2017     http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/AGOSTO/12-08-2017.htm

11-08-2017     http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/AGOSTO/11-08-2017.htm

10-08-2017     http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/AGOSTO/10-08-2017.htm

09-08-2017     http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/AGOSTO/09-08-2017.htm

08-08-2017     http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/AGOSTO/08-08-2017.htm

 

 

Publicação em sequência

O que é o Espiritismo

 

 

 

 

 

 

 

(Texto copiado de Febnet)

Pintura mediúnica por Marilusa Moreira Vasconcelos. Araçatuba, SP. Fotos Ismael Gobbo.

 

Poesia mediúnica

 

Carta aos pais

 

(Ditada pelo espírito Casimiro Cunha

Pela psicografia de Francisco Cândido Xavier)

                                           
 
“Não podes viver a esmo,
Numa estrada indefinida.
Um pai tem obrigações
Das mais nobres que há na vida.
 
Meu irmão, em tua casa,
Nas ternuras dos filhinhos,
Personifica o bom-senso,
Entre os beijos e os carinhos.
 
Por enquanto, a Terra inteira
Ainda é um mar agitado.
Se não dominas a onda
Virás a ser dominado.
 
Entende a luz do caminho.
A tua finalidade
Não é somente a da espécie,
Nas lutas da Humanidade.
 
Exige-se muito mais
Dos teus esforços no mundo;
Recebeste de Jesus
Um dom sagrado e profundo.
 
Se a missão das mães terrestres
É conduzir e ensinar,
O teu trabalho é de agir
No esforço de transformar.
 
Não esqueças teus deveres
Na esfera da educação,
Fazendo de tua casa
A escola de redenção.
 
Um pai que deixa os filhinhos
Abandonados ao léu,
Não corresponde no mundo
À confiança do céu.
 
Cuida bem dos pequeninos.
A educação tem segredos
Que devem ser estudados
Desde os tempos dos brinquedos.
 
A tua função no lar
Não é somente prover,
Mas adotar providências,
Procurando esclarecer.
 
Ensina os teus a gastar.
Quem vive muito à vontade
Pode encontrar a miséria
No fim da ociosidade.
 
Gastar somente o que é justo
É ser prudente e cristão.
Quem gasta o que não é seu
Faz dívidas de aflição.
 
Luta sempre, mas se os teus
Não te seguirem os trilhos,
Esperemos nesse Pai
De que todos somos filhos.
 
Na pobreza ou na fortuna,
Esforça-te, meu amigo.
Exemplifica o trabalho
E Deus estará contigo.
                                                            


Uma poema de Casimiro Cunha chamando os pais à responsabilidade doméstica. Do livro Luz no Lar – de Espíritos diversos, por Chico Xavie - Ed. FEB.

 

 

(Copiado do site http://www.limiarespirita.com.br/poesias/mediunicas/carta.html)

Cena de Família.em quadro de Almeida Júnior.

Pinacoteca do Estado de São Paulo, Brasil. Foto Ismael Gobbo

 

A melhor idade do amor

 

Sábado, dez horas e vinte e um minutos. Chuva insistente de outono. Um casal adentra a uma panificadora para tomar café

Dois cafés com leite e três pães de queijo, por favor.

Ela parece um pouco agitada. Não tira os olhos dele. Ele parece tranquilo, dessas pessoas que já conseguem viver num tempo um pouco mais lento do que o do relógio.

A diferença de idade é gritante. Não mais de quarenta, ela. Próximo aos oitenta, ele.

Ele olha para fora pela janela entreaberta.

Ela sorri, carinhosa.

Todos os seus filhos nasceram aqui nesta cidade?

Ele pensa um pouco... - Sim, todas elas... Três filhas.

E você? Onde nasceu? – Volta a inquirir a mulher.

Eu não sou daqui. Nasci no Interior... longe da cidade.

E o que você lembra de lá?

Ah... Muitas coisas... – Responde ele, com leve sorriso.

Então, silencia. Parece fazer algum esforço para recordar de algo especial, mas logo desiste. Volta a olhar para fora, procurando a chuva fina.

Sabe... Acho que tive uma vida feliz...

Ela permanece interessada. Um interesse de primeiro encontro. Observa os cabelos brancos dele, a tez um pouco castigada, os olhos azuis.

Respira fundo. Alguém poderia dizer que é o respirar de quem está apaixonado.

Você só casou uma vez? – Pergunta ela, com certo embaraço na voz.

Sim. Tereza. Mãe de minhas meninas. Que Deus a tenha.

Ela fica um pouco emocionada e constrangida, repentinamente. Esboça um sorriso para disfarçar. Olha para a mesa. Ainda resta um pão.

Pode comer. Já estou satisfeita.

Almoçamos juntos amanhã? – Pergunta ele, ansioso por ouvir um sim.

Sim... Claro que sim. É dia de almoçarmos juntos. Você sabe que gosto muito de estar com você, de ouvir suas histórias...

Estou um pouco esquecido hoje, eu acho. Contei pouco...

Não tem problema. – Diz ela, carinhosa. - Tem dias que a gente está com a memória mais fraca mesmo.

Doutor Maurício disse que é importante ficar puxando as coisas da memória sempre. Ele diz que é como um exercício físico que fazemos para não “enferrujar”. – Conclui ele.

É verdade... – Ela suspira. – Precisamos cuidar da memória...

Novamente um longo silêncio entre os dois.

Ele volta a vislumbrar o exterior, contemplativo.

Ela nota seu rosto em detalhes, ternamente.

Fecha os olhos, por um instante, como se fizesse uma breve oração, uma rogativa sincera a uma Força Maior.

Volta a abri-los, vagarosamente, e então pergunta:

Pai... Pai... Posso pedir a conta?

Ele acena positivamente. A conta chega. Ela se levanta primeiro, vai em direção a ele, envolve-o num abraço e o ajuda a levantar.

Aquela era a rotina de todo sábado, às dez horas e vinte e um minutos, nos últimos dez meses.

*   *   *

Foram nossos genitores que nos proporcionaram um corpo, abençoado instrumento de trabalho para o nosso progresso, bem como um lar.

Pensando em tudo isso, louve aos seus pais. Cuide deles, agora quando estão velhos, alquebrados, frágeis ou doentes.

Faça o possível para não os atirar nos tristes quartinhos dos fundos da casa, aonde ninguém vai. Não se furte à alegria de apresentá-los aos seus amigos e às suas visitas.

Ouça o que eles tenham a dizer. Quando estejam em condições para isso, leve-os para as refeições à mesa com você. Retribua, assim, uma parcela pequena do muito recebido por seus genitores anos atrás.


Redação do Momento Espírita com pensamentos finais do cap. 7, do livro
Ações corajosas para viver em paz, pelo Espírito  Benedita da Silva,
psicografia de José Raul Teixeira,  ed. Fráter.
Disponível no CD Momento Espírita, v. 19, ed. FEP.
Em 12.8.2017.

 

 

(Texto copiado do site Feparana)

Velho triste. Óleo sobre tela por Vicent van Gogh

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Vincent_Willem_van_Gogh_002.jpg

 

IV Encontro Nacional dos Amigos de Yvonne A. Pereira

Taubaté, SP

 

 

(Com informações de Pedro Camilo)

 

Registro. Divaldo Pereira Franco no Grupo Espírita André Luiz

Rio de Janeiro, RJ

 

10/08/2017

 

Divaldo Franco esteve na noite desta quinta-feira, dia 10 de agosto de 2017, no Grupo Espírita André Luiz (GEAL) - Rua Jiquibá, 139 - Maracanã, Rio de Janeiro, onde proferiu palestra para um público em torno de 550 pessoas.

Divaldo, quando perguntado por Maria Luiza Sodré, presidente de GEAL, se ele se lembrava há quanto tempo comparecia ao Grupo Espírita André Luiz, já que ela não recordava, ficou surpresa quando ele disse que são 54 anos.

Nas temporadas anuais do Semeador de Estrelas, em nosso estado, as palestras no GEAL, tem algo de especial, de diferente, de maior sublimidade, pois a começar pelo interesse que antecede ao evento tão esperado, justificando a extensa fila que se forma na frente da casa, aguardando a abertura dos portões às 17 horas, tudo parece mágico. Ontem as duas primeiras pessoas da fila disseram terem chegado antes das cinco horas da manhã.

Ao entrar na instituição o público começa a se ambientar através do excelente coral GEAL para o início da palestra às 20:00 horas.

Após a prece feita por Maria Luiza, Divaldo começa lembrando da figura de Jesus que através de seu Evangelho trouxe novas esperanças para toda a humanidade.

Sua abordagem sempre rica de ensinamentos, se estende sobre a história da humanidade, chegando ao século XVII com o desenvolvimento da ciência até o advento da Doutrina Espírita, no século XIX - O Consolador Prometido!

Cita histórias que servem de enredo para os assuntos abordados, levando todos à profundas reflexões, inundando o ambiente numa atmosfera de Luz, Amor e Paz.
Extensas filas se formam quando de sua chegada e que continua ao término da palestra para um abraço, um autógrafo e Divaldo sempre sorrindo, atende a todos com muito carinho.

Um dos momentos mais aguardados, pois acontece anualmente, foi quando por psicofonia recebeu a mensagem de Bezerra de Menezes, que publicaremos à posteriori, emocionando a todos, alguns levados às lágrimas.

Texto e fotos: Luismar Ornelas de Lima​

 

(Recebido em email de Jorge Moehlecke)

 

Registro. Divaldo Pereira Franco no G.E. Caminho da Esperança

Rio de Janeiro, RJ

 

11/08/2017

 

Mais uma noite memorável propiciando ao público, em torno de 3500 pessoas, grandes emoções!



Preparando o ambiente para a conferência de Divaldo Pereira Franco, o Grupo Espírita Caminho da Esperança - GECE (Rua Aristides Lobo, 51, Rio Comprido, Rio de Janeiro), através de seus trabalhadores, transformou o palco da Concha Acústica da Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ, na fictícia Rádio Esperança com o seu programa de entrevistas em que os convidados falavam de Divaldo Franco, dando seus testemunhos da importância do Semeador de Estrelas em suas vidas.



O programa conduzido por Ana Guimarães e Jurandyr Paulo, que mostravam não conhecer o orador baiano, bem como seu trabalho, entrevistaram diversas pessoas encarnadas e outras tantas desencarnadas, como Auta de Souza, Nina Arueira, Irmã Dulce, Manoel Philomeno de Miranda, Chico Xavier, e que somente no decorrer do programa vão desconfiando de que eram "pessoas mortas".



Divaldo Franco presente à apresentação, ria, aplaudia, feliz com a bela homenagem.

Em seguida a Universidade do Estado do Rio de Janeiro, através do Programa de Estudos e Pesquisas das Religiões - PROEPER, espaço do Centro de Ciências Sociais (CCS), que busca reflexão permanente e sistemática sobre as religiões e a religiosidade e do Núcleo Espírita Universitário, ambos da UERJ, através de Telma Gama, Nadja do Couto Valle e da representante do NEU e em nome do Reitor Ruy Garcia Marques, homenagearam Divaldo Pereira Franco, com a entrega de uma placa de agradecimento pelos 32 anos de conferências naquela universidade.



Recebidas todas os homenagens, Divaldo agradeceu passando os méritos ao espíritas e ao codificador, Allan Kardec e deu início à sua conferência. Franco buscou mostrar que o Espiritismo em seu tríplice aspecto difere de toda e qualquer outra doutrina, uma vez que não possui dogmas, propriamente ditos, mas fundamenta-se na razão e nos fatos e que assim sendo é uma Doutrina Tríplice, com sua estrutura configurada na Ciência, Filosofia e Religião.

Ciência, pois possui como fundamento a parte experimental com suas idéias organizadas sistematicamente a partir dos fatos, dos fenômenos mediúnicos, das manifestações em geral, empregando efetivamente, o método experimental.

Filosofia, já que sua temática abrange objetos do conhecimento que vão além da experiência sensível, mostrando a existência de Deus, os princípios constitutivos do Universo, que são as causas primárias e as leis morais se valendo do instrumento seguro do método racional.

Religião, na medida em que sua finalidade última é a restauração do Evangelho de Jesus, com a prática de seus ensinamentos e princípios cristãos. É importante, entretanto, esclarecer que o Espiritismo não se vale de formalidades exteriores, de práticas sagradas, rituais ou técnicas coletivas, mas da busca permanente da religiosidade na intimidade de cada ser, a partir de uma atitude interior consciente.

Essa tríplice estrutura está bem fundamenta na obra da codificação, onde os aspectos científicos e filosóficos representam sempre um campo de investigação. Entretanto, no aspecto religioso, repousa a sua grandeza divina, por constituir a restauração do Evangelho de Jesus Cristo, estabelecendo a renovação definitiva do homem para a grandeza em seu imenso futuro espiritual.



Terminada a palestra, Divaldo Franco recebeu algumas pessoas que foram levar-lhe um abraço, uma saudação e, acima de tudo agradecê-lo pelo importante material que estavam levando para suas casas, para suas vidas, conhecimentos necessários às suas melhores reflexões.

 

Texto e fotos: Luismar Ornelas de Lima​

 

(Recebido em email de Jorge Moehlecke)

 

Registro. Divaldo Franco na - FEB

Rio de Janeiro, RJ

 

12/08/2017

 

A Federação Espírita Brasileira - FEB, seccional Rio de Janeiro (Avenida Passos, 30 - Centro, foi palco do encerramento da temporada de palestras de Divaldo Pereira Franco - ano de 2017 -, em nosso estado,  já que o 27º Feirão em Prol da Mansão do Caminho, promovido pelo Grupo FEB também inaugurou a Exposição de 120 Anos de sua Livraria
que conta um pouco da história desta que é a única livraria fundada no século XIX, há 120 anos, na gestão de Bezerra de Menezes, que continua funcionando até hoje, ininterruptamente.
Com a presença do presidente da FEB, Sr. Jorge Godinho e outros membros da federação, além de ilustres convidados vindos de outras cidades, como Suely Caldas Schubert (Juiz de Fora-MG),  o pessoal da Mansão do Caminho (Salvador-BA), num grupo superior a vinte pessoas, a conferência teve a participação de um público superior a 700 pessoas em seus dois salões.

Divaldo Franco falou de sua alegria em retornar àquela casa que lhe traz belas lembranças e desenvolveu sua palestra buscando mostrar que o amor é o principal ensinamento que nos trouxe Jesus Cristo. É preciso amar ao próximo como a nós mesmos, significando que precisamos começar por nos amarmos, pois o auto amor representa o desenvolvimento dos valores positivos da inteligência, do sentimento, da cultura e da solidariedade, preservando o corpo da higiene, da estética, dos cuidados que ele nos exige para prolongar a sua existência.



Divaldo propõe uma viagem para dentro de nós, utilizando-se do mapa da Palestina, como uma representação geográfica, começando por Damasco, onde acontece a CONVERSÃO de Saulo. Este é o primeiro ensinamento, que representa nossa mudança de paradigmas, ao encontro do amor de Jesus. Em seguida cita Jerusalém, como a necessidade do TESTEMUNHO. Quando abraçamos um ideal, uma causa, temos a necessidade de pagarmos o preço necessário por aquilo que acreditamos.

Em seguida menciona Jericó, contando a Parábola do Samaritano, que representa a CARIDADE, a solidariedade. Precisamos ser solidários, para criarmos uma sociedade feliz. E finaliza a viagem falando de Emaús, que simboliza o encontro dos dois homens com Jesus. representando o momento máximo da solidariedade que é o ACOMPANHAMENTO, o carinho, a misericórdia.



Acrescido aos ensinamentos que nos ministra, Divaldo Franco enriquece suas conferências com exemplos pessoais, não com o propósito de enriquecer sua biografia, mas de auxiliar-nos o entendimento daquilo que discorre.



Mais um momento de aprendizado do Evangelho de Jesus, mostrando que somente através do amor seremos pessoas melhores, transformando nossa sociedade para melhor, numa convivência de paz e fraternidade.

Texto e fotos: Luismar Ornelas de Lima​

 

 

(Recebido em email de Jorge Moehlecke)

 

64ª. Semana Espírita de

Vitória da Conquista, BA

 

FALTAM 20 DIAS PARA A 64ª SEMANA ESPÍRITA DE VITÓRIA DA CONQUISTA



 


(Informação recebida em email de Uevc União Espírita de Vitória da Conquista [[email protected]])

 

Palestra no Grupo Socorrista Maria de Nazaré

Boituva. SP

 

(Informação recebida em email de Didi Pelegrini [[email protected]])

 

Programação do C.E. Allan Kardec

Penápolis, SP

 


Obs.: Se não deseja receber este Boletim Semanal, envia a palavra "CANCELAR" para e-mail [email protected] , pelo que agradeceremos.​

 

--

 

Centro Espírita Allan Kardec

Avenida Luís Osório, 1262

Penápolis - SP

allankardecpenapol[email protected]

https://www.facebook.com/allankardecpenapolis

http://www.cbnfoz.com.br/images/160514_LINCOLN.JPG 2015, 150 anos do livro O Céu e o Inferno

 

 

(Informação recebida em email do CEAK)

 

Palestra no C.E. Francisco de Assis

Avanhandava, SP

 

 

 

CENTRO  ESPIRITA FRANCISCO DE ASSIS

RUA TIBIRIÇÁ Nº 522 - AVANHANDAVA

 

 

 

CONVIDA A TODOS PARA ASSISTIREM A PALESTRA 

 QUE 0

 

 ANTONIO CARLOS RODRIGUES

 DA CIDADE DE

ARAÇATUBA

 

 

 

FARÁ NESTA QUARTA-FEIRA  DIA 16-08-2017

ÀS 20,00 HORAS

 

 

TEMA: " A PROTEÇÃO DO CÉU "

 

 

(Informações recebidas em email de Luiz Antonio da Silva)

 

3º. Simpósio Saúde e Espiritualidade

Jales, SP

 

(Informação recebida em email de Jane Maiolo)

 

IX JAMEC-Jornada Médico-Espírita Campinense

Campina Grande, PB

DE 15 A 17/09/2017

AUDITÓRIO DA FIEP

PROGRAMAÇÃO

15/09-   SEXTA-FEIRA

20h-       ABERTURA

20h30 –  PALESTRA:  UMA NOVA MEDICINA PARA O NOVO MILÊNIO

     Décio Iandoli Jr. – AME-MS.

 

16/09  SÁBADO

08h - AMBIENTAÇÃO E PRECE DE ABERTURA

08h30– PAINEL: SAÚDE E ESPIRITUALIDADE

1-A Evolução, o Amor e a Plasticidade Cerebral – Ricardo Santos – AME-AL (40’)

2-As emoções e o câncer, uma abordagem médico-espírita –Geison Freire – AME-Mossoró (40’)

10hINTERVALO

10h30 – PAINEL:EVOLUÇÃO SAUDÁVEL

1-Estresse oxidativo e suaInfluência na evolução da Insuficiência Cardíaca – Antonia Marilene – AME-DF (40’)

2-O envelhecimento saudável com espiritualidade - Ricardo Santos – AME-AL (40’)

12hINTERVALO (Almoço)

14h - AMBIENTAÇÃO

14h30 – PAINEL: BIOÉTICA

1-Depressão, Tristeza e Sintonia Mental – Islan Nascimento – AME-PB (40’)

2-Suicídio – Aspectos Médicos e Espirituais – Carlos Roberto – AME-CG (40’)

16hINTERVALO

16h30– MESA REDONDA:EMBRIOGÊNESE E ESPIRITUALIDADE

1-O início da vida humana – aspectos médicos e espirituais - Décio IandoliJr –AME-MS (40’)

2-Gestação de alto risco e espiritualidade -Antonia Marilene– AME-DF (40’)

18h ENCERRAMENTO DAS ATIVIDADES DO DIA

 

17/09DOMINGO

08h - AMBIENTAÇÃO E PRECE DE ABERTURA

08h30MESA REDONDA: REENCARNAÇÃO E PROGRESSO

              1-Doenças Congênitas: um projeto de amor e esperança – Antonia Marilene– AME-DF (40’)

2-A Reencarnação como meio de educação e progresso do Espírito– Décio Iandoli Jr –AME-MS (40’)

10h INTERVALO

10h30 - CONFERÊNCIA

Novos saberes da relação emoções, espiritualidade e saúde – RossandroKlinjey – AME-CG (60’)

 

12hENCERRAMENTO DO EVENTO

 

(Informações recebidas em email de Marcos Paterra)

 

2ª. Semana Nacional de Arte Espírita

João Pessoa, PB

Cidade(s) Participante(s): JOÃO PESSOA

A Comissão Local está em contato com Campina Grande para participar também

 

Comissão Local:
Márcia Domingos da Silva – João Pessoa – 
[email protected]
Dalila Cartaxo – João Pessoa – 
[email protected]
Merlânio Maia – João Pessoa

 

A Semana de Arte Espírita na Paraíba tem o apoio da Federativa:
FEPB – Federação Espírita Paraibana

 

Participantes confirmados:
Músico Antônio e dois alunos (FEPB)
GED Rayos de Luz (DIJ do Humberto de Campos)
GED Sublimação (C. E. Consolador)
Consolarte (C. E. Consolador)
Grupo musical Viana de Carvalho (C. E. Viana de Carvalho)
Músico Wagner (C. E. Lar de Jesus)
Coral infantil EDUKAR (Insituição Espírita EDUKAR)
Grupo Vocal Harmonia e Luz (FEPB)
Grupo Musical Canto e Luz (UEDAC)
Grupo de Teatro da FEPB
Grupo Encena

 

Locais confirmados:
Federação Espírita Paraibana
Centro Espírita Humberto de Campos
Centro Espírita Vianna de Carvalho
Centro Espírita O Consolador
Centro Espírita Lar de Jesus
União Espírita Irmãos da Caridade
Centro Espírita 12 Apóstolos
UEDAC – União Espírita Deus Amor e Caridade

 

Programação agendada até o momento:

·         30/09 Federação Espírita PB – Palestra lítero-musical com Merlânio Maia e apresentação do Músico Antônio e dois alunos dele

·         01/10 C.E. Humberto de Campos – Apresentação de dança Rayos de Luz e apresentação do espetáculo Joanas: Trilhas de Luz

·         02/10 local a definir – Palestra Lítero-musical Wallace e Neifa

·         03/10 C.E. Vianna de Carvalho – Apresentação GED Sublimação

·         04/10 C.E. O Consolador – Apresentação Grupo Viana de Carvalho

·         05/10 C.E. Lar de Jesus – Apresentação Wagner + Palestra Júlio Farias

·         06/10 U. E. Irmãos da Caridade – programação a definir

·         07/10 C. E. 12 Apóstolos – Apresentação Harmonia e Luz

·         08/10 UEDAC – Apresentação Grupo Encena + Espetáculo “Vozes de uma Sombra”

 

 

Já está disponível no Youtube o vídeo de divulgação da II Semana Nacional de Arte Espírita. Este é o link: https://www.youtube.com/watch?v=QYMxFVaA-e8 

 

(Informação recebida em email de Marcos Paterra)

 

 Eventos Espíritas programados para

Campinas, SP

 

 

*************************************

 

 

 

 

 

*************************************

 

 

 

(Informação recebida em email de Cristina Helena Neves Bertuzzi [[email protected]])

 

Programação do Grupo Fraternal Bezerra de Menezes

São Bernardo do Campo, SP  

 

 

(Informação recebida em email de Regina Bachega)

 

 Boletim “O Mensageiro” da CEB

Brasília, DF

http://acscomunhao.enviodemkt.com.br/messageimages/1098111531635475/150256629625980600/logo_mensageiro_600x150.jpg

Edição 249 - 12 de agosto de 2017 - Brasília/DF

Caro(a) amigo(a), sinta-se à vontade para compartilhar nossas mensagens, reenviando-as. O bem compartilhado representa o bem multiplicado.

 

Recebeu nosso boletim por reenvio? gostou? então...

http://acscomunhao.enviodemkt.com.br/messageimages/1098111531635475/150256629625980600/botao_cadastrar.png

http://acscomunhao.enviodemkt.com.br/messageimages/1098111531635475/150256629625980600/maces_capa(1).jpg

Programação da MACES traz Alberto Almeida, Saulo Gouveia, Jacob Melo e Mayse Braga

http://acscomunhao.enviodemkt.com.br/messageimages/1098111531635475/150256629625980600/banner_amecaminhoterapeuticocomjesus.jpg

Novo calendário de palestras no projeto O Caminho Terapêutico com Jesus

http://acscomunhao.enviodemkt.com.br/messageimages/1098111531635475/150256629625980600/seminariopensamentoemediunidade.jpg

FEB realiza seminário sobre pensamento e mediunidade

 

http://acscomunhao.enviodemkt.com.br/messageimages/1098111531635475/150256629625980600/aulainauguralesde2.jpg

Teatro e música abrem o segundo semestre letivo da Comunhão

http://acscomunhao.enviodemkt.com.br/messageimages/1098111531635475/150256629625980600/indigo.jpg

"A Menina Índigo" estreia dia 12 de outubro em circuito nacional

http://acscomunhao.enviodemkt.com.br/messageimages/1098111531635475/150256629625980600/comedia.jpg

Comédia espírita no Teatro da Unip neste domingo (13)

 

Deseja descadastrar-se? clique aqui.

 

 

Revista eletrônica “O Consolador”

Londrina, PR

Acesse:

www.oconsolador.com.br

 

 

Jornal Mundo Maior

Acesse nos links

 

Curta o Jornal Mundo Maior no facebook:

www.facebook.com/jornalmundomaior

 

Acesse o site do Jornal Mundo Maior e leia outras mensagens:

www.jornalmundomaior.com.br

 

 

(Com informações de jo[email protected]; em nome de; jornal mundomaior [[email protected]])

 

1º. Cruzeiro Espírita do Brasil organizado pelo

G.E. Obreiros do Amor e Misericórdia

O GRUPO ESPÍRITA OBREIROS DO AMOR E MISERICÓRDIA , TEM A HONRA DE CONVIDÁ-LOS PARA O :

1º CRUZEIRO ESPÍRITA DO BRASIL:

 

JÁ CONFIRMADO A PRESENÇA DE VANSAN E RICARDO E EDUARDO

DEMAIS PALESTRANTES O O TEMA INFORMAREMOS EM BREVE.

Navio: Costa Favolosa

Roteiro de 3 noites

Porto de embarque: Santos

Saída dia 28/01/18

Chegada no porto de Santos dia 31/01/18

 

Obs: As tarifas e disponibilidades estão sujeitas a confirmação no ato da reserva.

No mesmo dia do nosso desembarque, irá embarcar o cruzeiro do Roberto Carlos.

 

Roteiro:

 

Valores abaixo referente a cabine incluindo todos os passageiros, taxas e gorjetas a bordo:

 

Obs: A entrada deverá ser paga no ato da reserva, e o parcelamento através dos cartões de crédito.

Seguro viagem opcional no valor de R$ 40,50 por passageiro. O seguro viagem tem que ser solicitado no ato da reserva.

 

Cabines internas:

 

Valor total da cabine dupla categoria interna IC:

Entrada de R$ 400,00 + 10 parcelas de R$ 241,80 - incluindo os dois passageiros

 

Terceiro e quarto passageiros na categoria interna (adultos):

Entrada de R$ 200,00 + 10 parcelas de R$ 108,50 - cada passageiro terceiro ou quarto na cabine.

 

Terceiro e quarto passageiros na categoria interna (criança até 13 anos):

Entrada de R$ 200,00 + 10 parcelas de R$ 71,00 - cada passageiro terceiro ou quarto na cabine.

 

=============================================

Cabines com varanda:

 

Valor total da cabine dupla categoria varanda BC::

Entrada de R$ 400,00 + 10 parcelas de R$ 370,20 - incluindo os dois passageiros

 

Terceiro e quarto passageiros na categoria varanda (adultos):

Entrada de R$ 200,00 + 10 parcelas de R$ 106,20 - cada passageiro terceiro ou quarto na cabine.

 

Terceiro e quarto passageiros na categoria varanda (criança até 13 anos):

Entrada de R$ 200,00 + 10 parcelas de R$ 70,00 - cada passageiro terceiro ou quarto na cabine.

 

============================================= 

 

 

 

 

Qualquer duvida entre em contato com Evandro através do celular: 11-97011-5357

OU ADEMIR MENDES 971404656

Evandro Ruiz Segato

[email protected]

11-97011-5357

PARA EFETUAR A COMPRA NECESSITAMOS DAS INFORMAÇÕES ABAIXO:

         DE TODOS OS PASSAGEIROS.

 

 

- Nome completo:

- Nº CPF:

- Nº RG/CNH:

- Data Emissão:

- Data Validade:

- Nacionalidade:

- Data de Nascimento:

- Local de Nascimento:

- Telefone de Contato:

- Tipo de Cabine:

- Email:

- FORMA DE PAGAMENTO CARTÃO (__)

 ou CHEQUE (__)

(Informação recebida em email de Ademir Mendes)

 

Programação do GEPAR

Niterói, RJ  

 

Acesse:

http://www.geparpromocaointegral.org.br/so/3LtC3Zfk?cid=3d2110bb-3c29-4437-85d9-877d112e9827#/main

 

 

                                                                 

 Encontros e desencontros

Richard Simonetti      

[email protected]

 

Simone chegou com alguns minutos de antecedência. Sentada em rústico banco, à sombra de frondosa árvore, recordou que ali tecera com Armando idílico so­nho.

O marido representara o seu encontro com a felici­dade. A seu lado vivera quinze anos de ternura, enrique­cidos por quatro filhos adoráveis. No entanto, há dois anos o sonho convertera-se em pesadelo. Armando apaixonou-se por inconsequente jovem, iniciando perturbadora relação extraconjugal.

Após meses de tensão o caso fora descoberto. Os fi­lhos revoltaram-se e ele, alegando incapacidade para su­perar a atração irresistível, decidiu unir-se à sua amada.

Em princípio Simone ficou indignada. Viveu dias tormentosos. Não fora o conhecimento espírita e o teria odiado com todas as suas forças! Abençoada Doutrina, que a ajudara a compreender que o marido não agira com maldade. Apenas fora fraco, cedendo a impulsos desajustados.

A compreensão preservara-lhe a estabilidade emo­cional e a capacidade de amar. Sim, continuava amando o marido, um afeto diferente, um pouco maternal, de mãe preocupada com o filho rebelde que deixou o lar. E tudo o que fazia era orar, pedindo a Jesus que a amparas­se.

Agora ele queria conversar. O fato de ter escolhido o mesmo banco, na velha praça dos encontros primaveris, evidenciava que ele estava cogitando de uma reconci­liação. Conhecia-o, entendia-lhe as mínimas iniciativas, com a precisão nascida de longa convivência, com a se­creta intuição dos que amam de verdade, acima das hu­manas imperfeições.

Despertando de suas reminiscências, avistou Ar­mando. O coração a bater acelerado no peito, dizia-lhe que o marido continuava a ser o homem de sua vida. O tempo não lhe fora generoso. Estava abatido, ma­gro, envelhecido como se houvessem passado dez anos e não apenas dois. Ele sorriu timidamente:

– Oi, Simone, como está?

– Tudo bem, graças a Deus. E você?

– Não posso dizer o mesmo. Estou mal, mal mesmo! Arrependido até os fios de meus cabelos, afogando-me em remorsos. Será que você me perdoará um dia?

– Você sabe que não sou de guardar rancores. Não se preocupe.

Tomando-lhe as mãos Armando começou a chorar. Em princípio lágrimas furtivas, depois borbulhantes, co­mo imensa dor represada que explodisse em torrente de mágoas.

– Meu Deus! Que foi que fiz! Destruí nosso lar a tro­co de uma aventura!...

Lutando por conter a própria emoção, Simone aca­riciou-lhe as mãos:

– Calma, Armando. Não se entregue ao desalento. Ninguém é perfeito. Todos somos passíveis de erro...

Procurando imprimir um tom de naturalidade às suas palavras, perguntou-lhe:

– Conte-me. Como vai sua vida ao lado da nova companheira?

– Não há mais nada. Foi um equívoco, um desen­contro infeliz... Separamo-nos há uma semana e tudo o que quero é regressar ao nosso lar, ainda que tenha de passar o resto de meus dias pedindo-lhe desculpas. Você me aceitaria de volta?

Simone fitou-o enternecida. Não havia nenhuma dúvida quanto a isso. Desde que se despira de ressenti­mentos, sentia que isso aconteceria mais cedo ou mais tarde, na Terra ou no Além. O amor que os unia era mui­to forte, capaz de resistir aos vendavais dos enganos hu­manos.

– Claro, meu querido. É o que mais desejo.

– Há apenas um problema... Não sei como expli­car...

– Fale. Tentaremos solucioná-lo... Se tem receio de nossos filhos, fique tranquilo. Eles querem nos ver jun­tos novamente.

– Sim, o problema envolve filhos... Mais exatamen­te... outro filho... Da união infeliz resultou uma criança de dez meses. A mãe não o quer. Ficou comigo. Sei que é pedir demais, mas você me permitiria retomar com ele?

Um raio que caísse nas proximidades não a teria abalado tanto! Um filho com a outra, sob seus cuidados, no mes­mo lar, em contato com seus próprios filhos?! A proposta soava absurda. Como reter a lembrança perene da defecção do marido? Era pedir demais!...

Imaginou, em turbilhão de ideias, uma forma de contornar o problema. Um orfanato, talvez... Um casal disposto à adoção... Sabia, entretanto, que uma solução dessa natureza seria desumana, uma flagrante injustiça contra o peque­no inocente.

Era como se o solo se movimentasse debaixo de seus pés, abrindo intransponível abismo entre ela e o marido.

Em prece muda, implorava a inspiração do Céu. E o Céu veio em seu socorro. Sem que conseguisse exprimir com exatidão o que estava acontecendo, sentiu imensa compaixão daquele ser que chegava ao Mundo em circunstâncias tão tristes, rejeitado pela mãe, um entrave na vida do pai... Pobre criança!

Então, o instinto materno, a sensibilidade de um coração generoso, a vocação para o Evangelho, triunfa­ram sobre a mulher traída que, tomada por uma onda de ternura, levantou-se, resoluta, arrastando o marido per­plexo, ao mesmo tempo em que dizia, eufórica:

– Onde está nosso filho? Vamos buscá-lo imediata­mente! Sinto que ele precisa muito de mim!

E partiram os dois, retomando a existência em co­mum, enriquecida pela presença de mais um filho. Um reencontro feliz, norteado por generosos benfeitores espirituais que encontraram ressonância em meigo coração de mulher.

 

Amo-te, ama-me. Óleo em painel por Lawrence Alma-Tadema.

Imagem/fonte: https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/e/e4/Amo_te%2C_ama_me%2C_by_Lawrence_Alma-Tadema.jpg

 

Belarmino Bicas

 

Pelo Espírito Pelo Espírito Irmão X (Humberto de Campos).

Psicografia de Francisco Cândido Xavier.

Livro: Cartas e Crônicas. Lição nº 16. Página 73.

Depois da festa beneficente, em que servíramos justos, Belarmino Bicas, prezado companheiro a que nos afeiçoamos, no Plano Espiritual, chamou-me à parte e falou decidido:

- Bem, já que estivemos hoje em tarefa de solidariedade, estimaria solicitar um favor...

Ante a surpresa que nos assaltou, Belarmino prosseguiu:

- Soube que você ainda dispõe de alguma facilidade para escrever aos companheiros encarnados na Terra e gostaria de confiar-lhe um assunto...

- Que assunto?

- Acontece que desencarnei com cinquenta e oito anos de idade, após vinte de convicção espírita. Abracei os princípios codificados por Allan Kardec, aos trinta e oito, e, como sempre fora irascível por temperamento, organizei, desde os meus primeiros contatos com a Doutrina Consoladora, uma relação diária de todas as minhas exasperações, apontando-lhes as causas para estudos posteriores...
    Os meus desconchavos, porém, foram tantos que, apesar dos nobres conhecimentos assimilados, suprimi, inconscientemente, vinte e dois anos da quota de oitenta que me cabia desfrutar no corpo físico, regressando à Pátria Espiritual na condição de suicida indireto...

Somente aqui, pude examinar os meus problemas e acomodar-me às desilusões...

Quantos tesouros perdidos por bagatelas!

Quanta asneira em nome do sentimento!...

E, exibindo curioso papel, Belarmino acrescentava:

- Conte o meu caso para quem esteja ainda carregando a bobagem do azedume!

Fale do perigo das zangas sistemáticas, insista na necessidade da tolerância, da paciência, da serenidade, do perdão!

Rogue aos nossos companheiros para que não percam a riqueza das horas com suscetibilidades e amuos, explique ao pessoal na Terra que mau humor também mata!...

Foi então que passei à leitura da interessante estatística de irritações, que não me furto à satisfação de transcrever:

Belarmino Bicas - Número de cóleras e mágoas desnecessárias com a especificação das causas respectivas, de 1936 a 1956:

1.811 em razão de contrariedades em família;

906 por indispor-se, dentro de casa, em questão de alimentação e higiene;

1.614 por altercações com a esposa, em divergência na conduta doméstica e social;

1.801 por motivo de desgostos com os filhos, genros e noras;

11 por descontentamento com os netos;

1.015 por entrar em choque com chefes de serviço;

1.333 por incompatibilidade no trato com os colegas;

1.012 em virtude de reclamações a fornecedores e lojistas em casos de pouca monta;

614 por mal entendidos com vizinhos;

315 por ressentimentos com amigos íntimos;

1.089 por melindres ante o descaso de funcionários e empregados de instituições diversas;

615 por aborrecimentos com barbeiros e alfaiates;

777 por desacordos com motoristas e passageiros desconhecidos, em viagem de ônibus, automóveis particulares, bondes e lotações;

419 por desavenças com leiteiros e padeiros;

820 por malquistar-se com garçons em restaurantes e cafés;

211 por ofender-se com dificuldades em serviços de telefones;

90 por motivo de controvérsias em casas de diversões;

815 por abespinhar-se com opiniões alheias em matéria religiosa;

217 por incompreensões com irmãos de fé, no templo espírita;

901 por engano ou inquietação, diante de pesares imaginários ou da perspectiva de acontecimentos desagradáveis que nunca sucederam.

- Total: 16.386 exasperações inúteis.

Esse, o apanhado das irritações do prestimoso amigo Bicas: 16.386 dissabores dispensáveis em 7.300 dias de existência, e, isso, por quatro lustros mais belos de sua passagem no mundo, porque iluminados pelos clarões do Evangelho Redivivo.

Cumpro-lhe o desejo de tornar conhecida a sua experiência que, a nosso ver, é tão importante quanto as observações que previnem desequilíbrios e enfermidades, embora estejamos certos de que muita gente julgará o balanço de Belarmino por mera invencionice de Espírito loroteiro.

 

(Texto recebido em email do divulgador Antonio Sávio, Belo Horizonte, MG)

 O retorno do Filho Pródigo. Óleo sobre tela por Pompeo Batoni.

Imagem/fonte: https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/c/c0/Pompeo_Batoni_003.jpg/552px-Pompeo_Batoni_003.jpg

 

Em absoluto respeito à sua privacidade, caso não mais queira receber este boletim de notícias do movimento espírita, envie-nos um email solicitando a exclusão do seu endereço eletrônico de nossa lista. Nosso endereço: [email protected]