Notícias do Movimento Espírita

São Paulo, SP, quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Compiladas por Ismael Gobbo

Agradecemos àqueles que gentilmente repassam este email

Parcerias

 

 

http://ismaelgobbo.blogspot.com.br/          http://www.redeamigoespirita.com.br/

 

 

 

Nota 1

Recomendamos confirmar junto aos organizadores os eventos aqui divulgados. Podem ocorrer cancelamentos ou mudanças que nem sempre chegam ao nosso conhecimento.

 

Nota 2

Este email é uma forma alternativa de divulgação de noticias, eventos, entrevistas e artigos espíritas. Recebemos as informações de fontes  diversas e fazemos o repasse aos destinatários de nossa lista de contatos. Trabalhamos com a expectativa de que as informações que nos chegam sejam absolutamente espíritas na forma como preconiza o codificador do Espiritismo, Allan Kardec.  Pedimos aos nossos diletos colaboradores que façam uma análise criteriosa e só nos remetam para divulgação matérias genuinamente espíritas.  O trabalho é totalmente gratuito e conta com ajuda de colaboradores voluntários (Ismael Gobbo)

 

 

Atenção

Se você tiver dificuldades em abrir o arquivo, recebê-lo incompleto ou cortado e fotos que não abrem, clique aqui:

http://www.noticiasespiritas.com.br/2015/FEVEREIRO/25-02-2015.htm

 

No Blog onde  é  postado diariamente:

http://ismaelgobbo.blogspot.com.br/

 

Ou no Facebook

https://www.facebook.com/ismael.gobbo.1

 

 

 

NOTA SOBRE O ENVIO DESTE BOLETIM

 

ESTAMOS PRESTES A RESTABELECER O ENVIO DE EMAILS COM TODO CONTEÚDO DO BOLETIM DE NOTICIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA ESTAMPADO NO PRÓPRIO CORPO DO E  MAIL NA FORMA COMO SEMPRE FIZEMOS. ULTIMAMENTE PASSAMOS POR PROBLEMAS TÉCNICOS DE VÁRIAS ORDENS QUE DE CERTA FORMA PREJUDICARAM O BOM ANDAMENTO DOS  NOSSOS TRABALHOS.  ISMAEL  GOBBO 

 

 

     OS ULTIMOS 5 EMAILS ENVIADOS:

 

DATA                                        ACESSE CLICANDO NO LINK

 

24-02-2015     http://www.noticiasespiritas.com.br/2015/FEVEREIRO/24-02-2015.htm

23-02-2015     http://www.noticiasespiritas.com.br/2015/FEVEREIRO/23-02-2015.htm

21-02-2015     http://www.noticiasespiritas.com.br/2015/FEVEREIRO/21-02-2015.htm

20-02-2015     http://www.noticiasespiritas.com.br/2015/FEVEREIRO/20-02-2015.htm

19-02-2015     http://www.noticiasespiritas.com.br/2015/FEVEREIRO/19-02-2015.htm

 

 

 

 

 

O Evangelho Segundo o Espiritismo- Cap. XVII,  5- 6

Sede perfeitos

 

 

Parábola do Semeador

 

     5. Naquele mesmo dia, tendo saído de casa, Jesus sentou-se à borda do mar; em torno dele logo reuniu-se grande multidão; pelo que entrou numa barca, onde sentou-se, permanecendo na margem todo o povo. Disse então muitas coisas por parábolas, falando-lhes assim: “Aquele que semeia saiu a semear; e, semeando, uma parte da semente caiu ao longo do caminho e os pássaros do céu vieram e a comeram. Outra parte caiu em lugares pedregosos onde não havia muita terra; as sementes logo brotaram, porque carecia de profundidade a terra onde haviam caído. Mas, levantando-se, o Sol as queimou e, como não tinham raízes, secaram. Outra parte caiu entre espinheiros e estes, crescendo, as abafaram. Outra, finalmente, caiu em terra boa e produziu frutos, dando algumas sementes cem por um, outras sessenta e outras trinta. Ouça

quem tem ouvidos de ouvir.” (Mateus, 13:1 a 9.)

“Escutai, pois, vós outros a parábola do semeador. Quem quer que escuta a palavra do Reino e não lhe dá atenção, vem o espírito maligno e tira o que lhe fora semeado no coração. Esse é o que recebeu a semente ao longo do caminho. Aquele que recebe a semente em meio das pedras é o que escuta a palavra e que a recebe com alegria no primeiro momento. Mas não tendo nele raízes, dura apenas algum tempo. Sobrevindo reveses e perseguições por causa da palavra, tira ele daí motivo de escândalo e de queda. Aquele que recebe a semente entre espinheiros é o que

ouve a palavra; mas em quem, logo, os cuidados deste século e a ilusão das riquezas abafam aquela palavra e a tornam infrutífera. Aquele, porém, que recebe a semente em boa terra é o que escuta a palavra, que lhe presta atenção e em quem ela produz frutos, dando cem ou sessenta, ou trinta por um.” (Mateus, 13:18 a 23.)

     6. A Parábola do Semeador exprime perfeitamente os matizes existentes na maneira de serem utilizados os ensinos do Evangelho. Quantas pessoas há, com efeito, para as quais não passa ele de letra morta e que, como a semente caída sobre pedregulhos, nenhum fruto dá!

     Não menos justa aplicação encontra ela nas diferentes categorias espíritas. Não se acham simbolizados nela os que apenas atentam nos fenômenos materiais e nenhuma consequência tiram deles, porque neles mais não veem do que fatos curiosos? Os que apenas se preocupam com o lado brilhante das comunicações dos Espíritos, pelas quais só se interessam quando lhes satisfazem à imaginação, e que, depois de as terem ouvido, se conservam tão frios e indiferentes quanto eram? Os que reconhecem muito bons os conselhos e os admiram, mas para serem aplicados aos outros e não a si próprios? Aqueles, finalmente, para os quais essas instruções são como a semente que cai em terra boa e dá frutos?

 

(O Evangelho Segundo o Espiritismo, Allan Kardec, FEB.  Texto copiado do site Febnet e da obra citada)

 

Estátua “O Semeador” (1896),  na Praça Rubén Darío, Buenos Aires, Argentina.

Obra do escultor belga Constantin-Emile Meunier. Foto Ismael Gobbo

 

 

Lição para um filho

 

 

Eram os últimos anos do século XIX. Na aldeia de Rampur, na Índia, o filho do governador do distrito foi ao bazar para comprar doces.

Pelo caminho, encontrou uma senhora idosa, esfarrapada, esmolando. Compadecido, fez o que vira sua mãe fazer muitas vezes: deu-lhe as moedas que trazia e voltou para casa sem doces.

Entretanto, o menino Sundar Singh continuou inquieto. Tinha certeza de que aquelas moedinhas que dera não seriam suficientes para remediar as urgentes necessidades daquela mulher.

Ele vira o vento frio agitar-lhe os farrapos em torno do corpo magro, e gostaria de poder abrigá-la melhor.

Procurou o pai, contou a história e perguntou se não seria possível darem a ela cinco rupias, que lhe permitiriam comprar agasalhos.

Envolvido nas questões políticas, distraído quanto ao verdadeiro sentido do pedido do filho, Sher Singh respondeu que a socorrera várias vezes. Agora, que o filho deixasse que outra pessoa a auxiliasse.

O garoto não se conformou com essa solução. Afinal, ele vivia num grande e velho solar, com todo o conforto, onde a comida era boa e não faltavam agasalhos.

Sundar sabia onde seu pai guardava o dinheiro. Silenciosamente, retirou cinco rupias e saiu de casa, com a intenção de entregá-las à necessitada.

Mas as moedas lhe queimavam a mão. Aquilo era furto e ele compreendia muito bem o valor moral da ação praticada. E se o pai descobrisse? Ele não temia o castigo, somente temia perder a amizade e a confiança da família.

Deteve-se. Olhou as moedas, fechou-as fortemente na mão e retornou para casa, disposto a colocá-las de volta em seu devido lugar.

Porém, havia pessoas perto do cofre. Sundar escondeu muito bem o dinheiro e nada disse.

Mais tarde, o pai deu por falta das moedas. Ele tinha certeza de que as havia colocado no cofre. Procurou melhor. Talvez, de forma distraída, as tivesse deixado em outro local. Busca infrutífera.

Perguntou ao filho se as tinha visto e ele respondeu que não. Por fim, como não se tratava de quantia considerável, o governador se esqueceu do caso.

Anoiteceu. Todos se recolheram, após a leitura de um trecho do livro sagrado.

A noite foi terrível para o menino, que não conseguiu conciliar o sono. Revolveu-se na cama, de um lado a outro.

No dia seguinte, mal a madrugada começou a avermelhar o céu, correu ao lugar onde escondera o dinheiro, apanhou-o e foi entregá-lo ao pai, confessando o que fizera.

O tormento que o consumia interiormente, desapareceu. Agora, em frente ao pai, ele aguardava ser castigado.

Que viesse a punição – pensava – ele a merecia.

Para sua surpresa, depois de ouvi-lo e receber as moedas, o pai lhe disse:

Sempre confiei em você, meu filho. Agora, vejo que não me enganei.

E, estendendo a mão aberta, devolveu as cinco rupias ao menino:

Aqui está o dinheiro. Leva-o para a mulher.

Podemos imaginar o respeito e a admiração do pequeno pelo pai.

*   *   *

Educar os filhos, ensinar-lhes valores morais requer cuidados. Não existem fórmulas precisas que não nos permitam equívocos, no processo educativo.

Contudo, uma boa dose de compreensão, algumas gotas de psicologia, cuidadosa observação e muito amor, com certeza, nos garantirão os melhores resultados na formação moral dos nossos filhos.

Pensemos nisso e dediquemo-nos. Afinal, não há tesouro maior na Terra do que os Espíritos que habitam nosso lar, na qualidade de filhos da carne e do coração.

 

Redação do Momento Espírita, com base no 
cap.1, do livro 
O apóstolo dos pés sangrentos, 
de Boanerges Ribeiro, ed. Casa Publicadora 
das Assembleias de Deus.
Em 24.2.2015.

 

 

Copiado do site Feparana)

Diógenes por  Jean-Léon Gérôme

Fonte: http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Jean-L%C3%A9on_G%C3%A9r%C3%B4me_-_Diogenes_-_Walters_37131.jpg

O filósofo grego Diógenes (404-323 aC)  sentado na sua morada de rua, em Atenas,  acendendo uma lanterna à luz do dia com o qual busca de um homem honesto.

 

 

Movimento espírita do RJ é indicado a importante prêmio de cultura

                        

Vencedores serão conhecidos no dia 18 de março

 

O 3º Conselho Espírita de Unificação (CEU), que abrange as cidades fluminenses de Petrópolis e São José do Vale do Rio Preto, foi indicado, na categoria produção cultural, ao Prêmio Guerra-Peixe de Cultura. Motivo: a realização, já por seis anos consecutivos, do evento chamado Praça Florida de Livros.

O Prêmio Guerra-Peixe é uma iniciativa da Prefeitura de Petrópolis para incentivar os que levam informação, arte e conhecimento à população. Esta é a sexta edição. A cerimônia de entrega, quando os contemplados serão anunciados, ocorre na noite do dia 18 de março no Theatro D. Pedro, Praça dos Expedicionários, s/nº, Centro Histórico de Petrópolis.

A Praça Florida de Livros foi idealizada pelo produtor cultural gaúcho Vagner Souza, morador de Petrópolis há cerca de 10 anos. Sua intenção foi ir além da barraca que, por uma semana, vende livros espíritas com desconto na principal praça da cidade. Para tanto, elaborou, em 2010 – com apoio e organização do 3º CEU – um evento que abraça toda a população de Petrópolis e São José do Vale do Rio Preto. Além de stands com venda e troca de livros espíritas e palestras com escritores de outras cidades e estados nos centros espíritas, há também, durante dez dias, eventos em praças, teatros e centros culturais.

O objetivo é apresentar o Espiritismo às pessoas, mostrando que ele dialoga com temas da atualidade e traz respostas consoladoras aos problemas que aturdem o homem contemporâneo. Tudo à luz da imortalidade da alma e das vidas sucessivas. Nessa maratona de cultura espírita, há mesas-redondas, bate-papos com a juventude, peças teatrais, seminários, apresentações musicais, encontros com escritores e tudo mais que possa mostrar a força e a vanguarda da Doutrina Espírita.

Desde que surgiu, a Praça Florida de Livros vem se firmando no calendário cultural da Região Serrana do RJ. Tanto que é considerada pelo Poder Público de Petrópolis um dos mais organizados eventos culturais da cidade. Todo ano, um tema diferente é trazido à baila. Em torno dele, além das atividades realizadas, um importante nome da literatura espírita é homenageado, como o médium e tribuno José Raul Teixeira e os escritores Gérson Simões Monteiro, Suely Caldas Schubert e José Carlos Leal.

Em 2015, o tema da Praça Florida de Livros é “A Força do Bem”. Estarão presentes, entre outros, o médium Emanuel Cristiano e os escritores Aloísio Silva, Ana Cláudia Amoras, Sidney Aride e Richard Simonetti, que é o homenageado da vez. Período: 10 a 18 de abril. A programação completa será divulgada em breve.

O Prêmio Guerra-Peixe de Cultura leva este nome em homenagem ao notório maestro, compositor, professor e arranjador petropolitano César Guerra-Peixe (1914 – 1993), cujo trabalho em prol da música erudita e popular é internacionalmente reconhecido.

 

 

(Informação recebida em email de [email protected])

 

 

Sobre a saúde do nosso companheiro Richard Simonetti

 

Recebemos excelentes notícias dos nossos amigos de Bauru, SP.:

“Richard fez na tarde de ontem, em Bauru, a angioplastia, com sucesso, e nem precisou passar pela UTI, indo para o quarto logo depois de ficar na sala de recuperação. No entanto, deverá tomar medicamentos para desobstruir outras artérias. Esse é o melhor procedimento que a equipe médica julgou necessário para o seu estado de saúde. Oremos pela sua rápida recuperação e pela continuidade do seu trabalho missionário.”

Parabéns, Richard, mais uma vitória. Para nossa alegria também.

 

 

 

Somos únicos – ninguém substitui ninguém

Ismael Batista – Guaxupé/MG

 

Depois da significativa reportagem exibida pelo programa Fantástico da Rede Globo, envolvendo o nosso querido companheiro espírita Divaldo Pereira Franco e sua notável obra social, a Mansão do Caminho, em Pau da Lima - Salvador - BA, para minha surpresa, vi inúmeros comentários na internet de espíritas se manifestando insatisfeitos pelas colocações do repórter responsável pela matéria, por exemplo, quando tratou o médium/orador como pop star e de possível substituto de Chico Xavier.

Ora é muito natural que um jornalista leigo em espiritismo utilize a linguagem materializada de sua emissora ou outro órgão de imprensa que ele representa. Que mal tem isso? O importante é a grandeza da linguagem espiritual com que o entrevistado responde essas questões, e Divaldo não deixou por menos, foi sóbrio e doutrinariamente correto em todas as suas respostas.

            Sobre a questão de vê-lo na figura de um “pop star”, foi, com certeza, o resultado que o repórter tirou depois de acompanhar uma palestra, ao vivo, do seu entrevistado em auditório super lotado como sempre acontece. Ele, em observando o tratamento que nós espíritas damos ao Divaldo, principalmente depois do seu trabalho realizado, querendo autógrafos, tirar fotos, falar com ele de qualquer jeito e aí é aquele empurra-empurra como fazem com qualquer outra celebridade no mundo. Para o repórter, ele não teve dúvidas, estava diante de uma celebridade espírita.

 Mal sabe ele que isso acontece com frequência com outros tantos palestrantes famosos que temos no movimento espírita. Os oradores vibram isso? Com certeza não, mas são tratados dessa forma, vai se fazer o que? São humanos. Qualquer pessoa de fora vendo isso, a conclusão de que se está diante de uma estrela, vem naturalmente.

            Em relação a ser o substituto de Chico Xavier, Divaldo foi muito preciso em sua colocação. Cada um de nós temos a nossa parte a fazer. Ninguém substitui ninguém. Somos seres únicos.

            Fizeram muitas vezes essa pergunta ao próprio Chico: Quem será o seu substituto? Ele sempre respondia com essas palavras: morre um capim e nasce outro.

            Temos de ver o lado positivo de toda e qualquer abertura que a mídia de alto alcance popular oferece para divulgar a nossa doutrina e sua obra prática. Só do programa ter mostrado uma das maiores obras sociais mantida no movimento espírita brasileiro, a Mansão do Caminho, atendendo mais de três mil pessoas por dia, principalmente na área educacional, já valeu.

Outro lado positivo, foi que a reportagem mostrou para milhões de pessoas, como acontece uma verdadeira sessão mediúnica espírita, desmistificando, assim, que para o contato com os espíritos não precisa de nada além do recolhimento íntimo e prece. Isso, ao meu ver, foi fantástico, pois que a maioria dos leigos acham que para receber os espíritos, os médiuns precisam beber, fumar charutos, cair no chão e fazer outras coisas mais. No espiritismo nada disso acontece e é necessário. O contato mediúnico acontece na mais completa simplicidade e harmonia. Também já valeu a reportagem por esse fato.

            Queridos confrades, aprendamos logo a ver a luz que há por traz de tudo. Assim nossos corações terão muito mais a agradecer do que a reclamar. Nossa doutrina é muito nova, vivemos num país de muitas crenças, é natural que nem todos têm a dimensão correta do que ela representa para a humanidade e como ela nos convida a viver e conviver.

Nós espíritas, sabiamente, temos que aproveitar essas deixas para continuarmos divulgando a proposta do Consolador Prometido por Jesus a toda gente. Esclarecendo, tirando dúvidas, consolando, mas sem pressa e sem cobranças. Exaltemos sempre o Bem, pois o mal não merece ser exaltado em nenhum momento e em hipótese alguma.

Obrigado Fantástico, Rede Globo! Que outros programas e emissoras, também, possam contribuir com a divulgação da nossa querida doutrina. Seremos sempre gratos.

 

(Texto recebido em email de Ismael Batista da Silva)

 

 

Vídeo: http://globotv.globo.com/rede-globo/fantastico/t/edicoes/v/principal-medium-do-brasil-psicografa-diante-das-cameras-do-fantastico/3985182/

 

 

 

Registro. Conferência pública por Divaldo Pereira Franco

Franca, SP

 

Encerrando mais um roteiro de palestras e seminários pelos Estados de Goiás, Minas Gerais e São Paulo, o médium e orador espírita Divaldo Franco realizou, neste último domingo, dia 22/02/2015, uma conferência pública no ginásio poliesportivo do Colégio Pestalozzi, com a presença de cerca de 2500 pessoas, que lotaram o local. O evento foi promovido pelo Instituo de Difusão Espírita de Franca. Daquela cidade, Divaldo seguiu para São Paulo, onde ocorrerá, nesta segunda-feira, o grande lançamento da primeira biografia jornalística sobre o médium, orador e humanista, de autoria da jornalista Ana Landi. O lançamento será na Livraria Saraiva, do Shopping Paulista, à partir das 18 horas, com autógrafos de Divaldo Franco.

 

Texto: Júlio Zacarchenco

Fotos: Sandra Patrocínio/Edgard Patrocínio.

 

 

 

Registro. Lançamento do livro Divaldo Franco

A trajetória de um dos maiores médiuns de todos os tempos

 

O importante evento aconteceu na noite desta segunda-feira, 23/02/2015,  no Shopping Paulista, em São Paulo.  Estiveram autografando a importante obra a escritora-autora Ana Landi e Divaldo Pereira Franco. Uma grande massa compareceu no aguardado evento nas dependências da Livraria  Saraiva para conhecer a biografia jornalística do grande tribuno espírita pela lavra de uma jornalista que atuou no Grupo Folha, Jornal da Tarde e Valor Econômico. A obra com robusto conteúdo é ricamente ilustrada e tem belíssima apresentação. Foram momentos de grande alegria e reencontros com presença de dirigentes espíritas do Brasil e do exterior, jornalistas, amigos e colaboradores de Divaldo e da Mansão do Caminho, entidade para a qual foram deferidos os direitos autorais da obra de Ana Landi.  (Ismael Gobbo)

 

Ana Landi e Divaldo Pereira Franco. Simpatia e atenção para uma fila que não terminava. Foto Ismael Gobbo

O casal Cidinha Bergman (brasileira)  e Olof Gustaf Bergman (sueco) e Milciades Lezcano (Paraguai). Foto Ismael Gobbo

Júlia Nezu, Presidente da USE/SP prestigiando o evento. Foto Ismael Gobbo

Muita gente na sessão de lançamento do livro Divaldo Franco por Ana Landi. Foto Ismael Gobbo

Ana Landi e Divaldo Pereira Franco. Foto Ismael Gobbo

Ana Landi e Divaldo Pereira Franco autografando. Foto Ismael Gobbo

 

 

Atenção:  Inscrições para o 16º. Congresso Estadual de Espiritismo se encerram em 28/02/2015. Santos, SP

 

 

 

INSCRIÇÃO DO CONGRESSO ATÉ 28/2/2015 - VAGAS EM HOTÉIS ESTÃO NO FINAL

 

Jesus, nosso Amigo incondicional de todas as horas, nos abençoe!

 

O 16º congresso Estadual de Espiritismo da USE do Estado de São Paulo está chegando e todas as USEs envolvidas estão trabalhando para bem receber os congressistas. Pedimos a todos que se apressem com as inscrições e com as reservas de hotéis na secretaria da USE (e-mail: [email protected]  , [email protected] e pelo fone: 11 - 2950 6554) vez que só temos vagas no hotel Monte Serrat e algumas poucas no Hotel Atlântico. Para quem necessitar ainda tem vagas no alojamento coletivo no local e as reservas deve ser feita na secretaria da USE, no telefone acima, mas precisa levar roupa de cama e banho. Vejam pela internet que os hotéis estão lotados porque há dois outros eventos na cidade, além de ser um feriadão. O preço conveniado é só para quem fizer a reserva com a secretaria do congresso que parcela em boleto, depósito bancário e cheque. A inscrição também poderá ser parcelada, da mesma forma e será encerrada no dia 28/2/2015.

 

O valor da inscrição se converte inteiramente em bônus para a aquisição de livros e vídeos na livraria do congresso, portanto, estará antecipando um valor para alavancar o congresso que tem muitas despesas, tais como: de palco, som, iluminação, telões, projetores, cadeiras, mesas, divulgação, cartazes, folders, passagens e hoteis para os palestrantes, translados, pastas, livro do congresso, sacolas, limpeza e materiais, etc. etc. etc.

 

Dificuldade de se inscrever pelo site da USE?

 

Então faça a sua inscrição diretamente na secretaria por meio de depósito bancário ou boleto pelo telefone 11 - 2950.6554 ou pelos e-mails: [email protected]  e [email protected].

 

Haverá translado dos hotéis conveniados que são o Atlântico e Monte Serrat para o local do congresso, uma praça de alimentação no local, com oito barracas de lanches, doces, bebidas e um restaurante no local e convênios em restaurantes próximos. Na parte interna da Arena Santos haverá duas lanchonetes funcionando com serviço de lanches e café. Estamos vendo a possibilidade de oferecermos cafezinho e água gratuitamente (confirmaremos no site). Tem estacionamento no local do congresso gratuito para quem for de carro e deve entrar com credencial.

 

Para quem quiser ir de manhã e retornar a noite DIARIAMENTE estamos fechando a contratação de ônibus que sairá da estação de um metrô em SP até a porta do congresso, às 6h30, sendo que no dia 18 e 21 haverá um passeio incluso no preço que será de R$132,00 pelos 4 dias, ida e volta, por pessoa, o que dará um valor de R$16,50 cada trajeto, o que é mais barato que a passagem de um ônibus na Estação rodoviária. Se não houver reserva para uma lotação mínima o ônibus não fará o transporte. Noticiaremos com mais detalhes incluindo os telefones para reservas, no site do congresso. No preço do ônibus não estão inclusos os valores dos ingressos das visitas a Fortaleza da Barra Grande (R$6,00) e Museu Pelé (R$18,00), mas estamos fechando convênio que dará desconto de 50% para grupos do 16º congresso.

 

Abaixo, segue copiada a programação do 16º congresso, mas se estiver difícil para ler porque está em baixa resolução, entre no site da USE, www.usesp.org.br ou www.congressousesp.com.br .

 

A comissão organizadora está preparando o 16º congresso, nos mínimos detalhes, com carinho, para receber vocês. Convidamos os membros dos CDs e Executivas de todos os órgãos da USE para vibrarem pelo seu congresso, sua comissão organizadora, palestrantes e congressistas, envolvendo todo o local, a universidade onde se realizarão as oficinas e a Baixada Santista com os seus habitantes, em muita luz.

 

abraços fraternos, com votos de paz!

Julia Nezu - Presidente da USE-SP

 

 

 

 

(Informação recebida em email de Julia Nezu)

 

 

XI Seminário “Vencendo Seus Conflitos”

Fortaleza, CE

 

Prezados (as) Companheiros (as) de Ideal Espírita,
Agradecemos a gentileza da costumeira remessa das divulgações dos eventos espíritas em nosso Brasil, os quais divulgamos em nosso estado com o maior prazer. Gostaríamos de solicitar dos amigos (as) se seria possível incluir em suas divulgações a arte do XI SEMINÁRIO VENCENDO SEUS CONFLITOS em anexo, a se realizar em Fortaleza/CE em março próximo, onde essa ajuda fraterna seria inestimável para todos nós seareiros do Cristo aqui da Terra da Luz.
Fico no aguardo e a disposição para tudo o mais que se fizer necessário e desde já obrigada pela atenção dispensada.
Abraços fraternos,
ARLANE LOPES - Coordenadora de Eventos do Grupo Espírita Luz no Lar - GELUZ


Grupo Espírita Luz No Lar

Rua Santa Luzia, 2160 -  Tabapuá
Caucaia -  Ceará

 

 

(Informação recebida em email de Geluz *Luz no Lar* [[email protected]])

 

 

Palestra no C.E. Francisco Cândido Xavier

São José do Rio Preto, SP

 

Meus amigos,

Convidamos para a palestra de 

 

Henrique Dias,

 

no Centro Espírita Francisco Cândido Xavier, situado à Av. Alfredo Theodoro de Oliveira, 2195 - Solo Sagrado, São José do Rio Preto - SP, nesta quarta-feira, 25 de fevereiro, 20:00 h, e também para o cafezinho fraterno.

Abraços.

 

Navarro
São José do Rio Preto - SP
(17) 3228-0111 e 99702-7066


Conheça o Esperanto (www.esperanto.org.br)

 

(Informação recebida em emails de Antonio Carlos Navarro e de João Marchesi Neto)

 

 

Palestra pública no C.E. Luz e Verdade

Marília, SP

 

 

(Informação recebida em email de Donizete Pinheiro)

 

 

Seminário sobre a preservação da vida

Salvador, BA

 

 

Endereço: Rua João de Deus, 06 - Pelourinho, Salvador - BA, 40026-250

Telefone:(71) 3321-3042

(Informação recebida em email de Edward Cobem 7 [[email protected]])

 

 

Palestra no C.E. Capitão Vendramini

Três Corações, MG

 

Imagem inline 2

 

(Informação recebida em email de Francisco Atilio Arcoleze [[email protected]])

 

 

Programação de palestras no S.E. Joanna de Angelis. Março/2015

Campinas, SP

 

 

(Informação recebida em email de SEJA-Divulgação [[email protected]])

 

 

IEPEAS/Casa dos Espíritas. ESDE. Calendário março/2015

Lins, SP

 

CASA DOS ESPÍRITAS

INSTITUTO ESPÍRITA DE PESQUISA, ESTUDO E AÇÃO SOCIAL

ESTUDO SISTEMATIZADO DA DOUTRINA ESPÍRITA

 IV MÓDULO

CALENDÁRIO

 

 MARÇO  – 2ª FEIRA – 20 HORAS E SÁBADO ÀS 16H 30MIN.

 

DIA    TEMA                                                                      EXPOSITOR (A)

 

02 –  AS LEIS MORAIS E A SOCIEDADE                   AYLTON PAIVA

09 –  ADORAÇÃO A DEUS                                             STELA BORGES

16 –  O TRABALHO SEGUNDO O ESPIRITISMO  - MARIA A.GOLMIA

23 –  ENTENDIMENTO ESPÍRITA S/ REPRODUÇÃO  - STELA BORGES

30 – A CONSERVAÇÃO SOB ANÁLISE ESPÍRITA  AYLTON PAIVA

 

BIBLIOGRAFIA:

            1. O livro dos espíritos, Allan Kardec – 3ª Parte – Das Leis Morais, Ed. FEB

            2. A gênese, Allan Kardec, Ed. FEB

            3. O Espiritismo e a política: contribuições para a evolução do ser e da sociedade, Aylton Paiva, Ed. FEB.

            4. Espiritismo e Ecologia, André Trigueiro, Ed. FEB.

            5. Conviver para amar e servir, Helder Boska M. Sarmento et alii, Ed. FEB.

Observação: Esse curso poderá ser ministrado em outros Centros Espíritas.

            Interessados poderão entrar em contato com: Aylton Paiva – [email protected]

 

(Informação recebida de email de Aylton Paiva)

 

 

1º. Seminário GEAC-2015

Angra dos Reis, RJ

 

 

(Informação recebida em email de [email protected])

 

 

Palestra no Centro Espírita Emmanuel

Rio de Janeiro, RJ

 

 

DIA:

 

28/02/2015 ÁS 17 HS.

 

LOCAL:

 

CENTRO ESPÍRITA

 

EMMANUEL

 

RUA CONDE DE AGROLONGO, 1.199

 

 - PENHA/RJ)

 

TEMA:

 

AFINAL: “QUEM FOI  MARIA

 

 DE MAGDALA”

 

EXPOSITOR:

 

WANDERLEY A. ALVES

 

(Informação recebida em email de Renê Magalhães [[email protected]])

 

 

Palestra programada para o LELA

Diadema, SP

 

PALESTRA MENSAL

28/02/2015 - SÁBADO - HORÁRIO: 18 HORAS

(SALÃO JOÃO DE DEUS)

TEMA: "O SENTIDO DA VIDA"

PALESTRANTE: "SEBASTIÃO MIGUEL"

PARTE MUSICAL: "LEANDRO MARQUES"

PEDIMOS, SE POSSÍVEL, A DOAÇÃO

DE ALIMENTOS NÃO PERECÍVEIS E/OU PRODUTOS

DE HIGIENE PESSOAL EM PROL DA TRASITÓRIA CASA DO CAMINHO

Divulgação LELA/TCC

Lar Espírita Luz e Amor

Rua Castro Alves, 165, Diadema, SP - Telefone: (011)4056-2003

Informamos que esta notícia e outras relativas ao LELA e à TCC já estão

disponíveis nos Sites do LELA e da TCC, no Blog do "Em Foco" e no Perfil do LELA no Facebook:

http://www.luzeamor.org

http://www.transitoriacasadocaminho.org.br

https://www.facebook.com/emfoco

Veja também as palestras mensais e reportagens de nossos eventos no canal do LELA no Youtube:

http://www.youtube.com/channel/UCJjwufTmBGOKGxBs8Co1r1A?feature=watch

 

(Informações recebidas em email de Divulgação Luz e Amor [[email protected]oo.com.br])

 

 

Palestras no Grupo Espírita Astral Paraíso do Bem

Barbacena, MG

 

 

 

(Informação recebida em email de Adriano Barroso [[email protected]])

 

 

Palestra musicada com Wanyr Caccia no G.E. Joanna de Cuza

São Paulo, SP

 

Circular: GEJC-004/2015

  São  Paulo,  22  de  Fevereiro  2015

PALESTRA,

           Dia 01 próximo, às 16:00 horas, no Grupo Espírita JOANNA DE CUZA,  com o tema:

 “A MÚSICA TAMBÉM EVANGELIZANDO

                      MUSICISTA:   WANYR CACCIA (haverá CD/DVD, para os interessados).

                      Local:  Rua Antônio Comenale 159,  Pq Cocaia (Grajaú) SP-SP,

CEP: 04850-010.

                     E-mail: [email protected]

                     Tel.:  982.50.5820-Tim.

Sorteio de livros para quem chegar até às 16:00 horas.

 

(Informação recebida em email de "G. E. Joanna de Cuza" [[email protected]])

 

 

Cine Debate no Cobem: “Causa & Efeito”

Salvador, BA  


COBEM - Casa de Oração Bezerra de Menezes

Rua Bezerra de Menezes, nº 90, Brotas, Salvador-BA

Informações: (71) 33560256

 Curtam a FanPage da Cobem com muito amor

 https://www.facebook.com/CasaDeOracaoBezerraDeMenezesCobem

 Visitem o site da Cobem com muito amor

 www.cobem.org.br

 

 

(Informação recebida em emails de e de [email protected])

 

 

Informação do Sei- Serviço Espírita de Informações

Rio de Janeiro, RJ

 

Acesse aqui:

http://boletimsei.blogspot.com.br/2015/02/jornada-medico-espirita-da-serra-gaucha.html

 

 

 

 

As três orações

 

 

Instado pela assembléia de amigos a falar sobre a resposta do Criador às preces das criaturas, respondeu o velho Simão Abileno, instrutor cristão, considerado no Plano Espiritual por mestre do apólogo e da síntese: Repetirei para vocês, a nosso modo, antiga lenda que corre mundo nos contos populares de numerosos países... Em grandes bosque da Ásia Menor, três árvores ainda jovens pediram a Deus lhes concedesse destinos gloriosos e diferentes. A primeira explicou que aspirava a ser empregada no trono do mais alto soberano da Terra; após ouví-la, a segunda declarou que desejava ser utilizada na construção do carro que transportasse os tesouros desse rei poderoso, e a terceira, por último, disse então que almejava transformar-se numa torre, nos domínios desse potentado, para indicar o caminho do Céu. Depois das preces formuladas, um Mensageiro Angélico desceu à mata e avisou que o Todo-Misericordioso lhes recebera as rogativas e lhes atenderia às petições. Decorrido muito tempo, lenhadores invadiram o horto selvagem e as árvores, com grande pesar de todas as plantas circunvizinhas, foram reduzidas a troncos, despidos por mãos cruéis. Arrastadas para fora do ambiente familiar, ainda mesmo com os braços decepados, elas confiaram nas promessas do Supremo Senhor e se deixaram conduzir com paciência e humildade. Qual não lhes foi, conduzir com paciência e humildade. Qual não lhes foi, porém, a aflitiva surpresa!... Depois de muitas viagens, a primeira caiu sob o poder de um criador de animais que, de imediato, mandou convertê-la num grande cocho destinado à alimentação de carneiros; a segunda foi adquirida por um velho praiano que construía barcos por encomenda; e a terceira foi comprada e recolhida para servir, em momento oportuno, numa cela de malfeitores. As árvores amigas, conquanto separadas e sofredoras, não deixaram de acreditar na mensagem do Eterno e obedeceram sem queixas às ordens inesperadas que as leis da vida lhes impunham... No bosque, contudo, as outras plantas tinham perdido a fé no valor da oração, quando, transcorridos muitos anos, vieram a saber que as três árvores haviam obtido as concessões gloriosas solicitadas... A primeira, forrada de panos singelos, recebera Jesus das mãos de Maria de Nazaré, servindo de berço ao Dirigente Mais Alto do Mundo; a segunda, trabalhando com pescadores, na forma de uma barca valente e pobre, fora o veículo de que Jesus se utilizou para transmitir sobre as águas muitos dos seus mais belos ensinamentos; e a terceira, convertida apressadamente numa cruz em Jerusalém, seguira com Ele, o Senhor, para o monte e, ali, ereta e valorosa, guardara-lhe o coração torturado, mas repleto de amor no extremo sacrifício, indicando o verdadeiro caminho do Reino Celestial... Simão silenciou, comovido. E, depois de longa pausa, terminou, a entremostrar os olhos marejados de pranto: Em verdade, meus amigos, todos nós podemos endereçar a Deus, em qualquer parte e em qualquer tempo, as mais variadas preces; no entanto, nós todos precisamos cultivar paciência e humildade, para esperar e compreender as respostas de Deus.

 

Livro Cartas e Crônicas,  ditado pelo espírito Irmão X pela mediunidade de Francisco Cândido Xavier

 

(Copiado do site http://bvespirita.com/Cartas%20e%20Cr%C3%B4nicas%20%28psicografia%20Chico%20Xavier%20-%20esp%C3%ADrito%20Humberto%20de%20Campos%29.pdf)

 

 Árvores no Campo dos Pastores. Belém, Palestina.Foto Ismael Gobbo

 

 

Jesus não é Deus absoluto,

e é o próprio Deus relativo Javé

  

Não sou um teólogo oficial, mas estudo a Bíblia de modo racional.

Para os teólogos, Maria subiu aos céus pelo poder de Deus (Assunção), e a Ressurreição de Jesus foi pelo seu próprio poder. 

Paulo ensina diferente: “Se habita em vós o Espírito daquele que ressuscitou a Jesus dentre os mortos, vivificará também os vossos corpos mortais, por meio do seu Espírito que em vós habita.” (Romanos 8: 11). Esse espírito é o nosso Cristo Interno e que é de Deus como todos os espíritos o são. Não se trata, pois, do Espírito do próprio Deus, chamado também de Espírito Santo, já que tudo criado por Deus é santo. Mas entre Deus infinito e o homem finito há um abismo. “...eu sou Deus e não homem...” (Oseias 11: 9).

Entre os corpos mortais (não os espíritos) ressuscitados está o corpo espiritual (1 Coríntios 15: 44) ou o períspirito de Kardec; o corpo bioplasmático dos russos; o ká dos egípcios; o corpo glorioso ou pancósmico dos teólogos católicos atuais; a aura de Orígenes etc. Não é, pois, o próprio corpo carnal que é ressuscitado como se pensava, confundindo-se o períspirito com o corpo carnal.

O períspirito não é de matéria densa, mas sutil ou quintessenciada. Ele acompanha o espírito desencarnado. É através dele que o espírito se manifesta e até se materializa. E quando o espírito está encarnado, o perispírito é um elo de ligação entre ele e o corpo.

Sobre as ressurreições de Jesus e nossa feitas por Deus, elas nos demonstram que Jesus e nós somos deuses relativos (João 10: 34; e Salmo 82: 6). O Deus absoluto é somente o Pai, criador incriado e o único ser incontingente de são Tomás de Aquino. Jesus é o primogênito da criação (Colossenses 1: 15), mas foi criado pelo incriado Deus absoluto. E são Pedro diz: “Deus o fez Senhor e Cristo.” (Atos 2: 36). Foi, pois, Deus absoluto, o Pai, que O fez Cristo (Messias). Antes, Jesus não era Senhor nem Cristo. Mas Jesus é um homem, se fosse Deus mesmo, não poderia ser o Cristo. E ainda Pedro: “... este Jesus que Deus ressuscitou, do que todos nós somos testemunhas.” (Atos 2: 32). Jesus, pois, é um homem que se divinizou, tornando-se assim o Cristo, como todos nós, um dia, vamos nos divinizar, após chegarmos à estatura mediana de Cristo (Efésios 4: 13), sendo um com Ele e Deus, quando a nossa semelhança (jamais a igualdade) com Deus será concretizada.

Jesus, quando se referia a Deus, chamava-O de Pai e não de Javé, que é o seu mesmo Espírito ainda não muito aperfeiçoado. (Hebreus 5: 9).

Eis que eu (Javé) vos envio o meu mensageiro que preparará o caminho diante de mim (Jesus), diz Malaquias 3: 23, na Bíblia Católica; e 4: 5, na Protestante. O mensageiro é o espírito de Elias reencarnado no Precursor João Batista, enviado porque já existia como Elias. (João 1: 6). E Melquisedeque, também um homem, tornou-se semelhante a Cristo (Hebreus 7: 3). E Javé era frequentemente tido no Velho Testamento como uma pedra. (Êxodo 17: 6). “E Beberam da mesma fonte espiritual; porque bebiam de uma pedra espiritual que os seguia. E a pedra era Cristo” (1 Coríntios 10: 4).

No Velho Testamento, o Espírito de Jávé é um Deus relativo confundido com o Espírito do Deus absoluto. E se o Espírito de Jesus é o mesmo de Javé, não é surpreendente que Jesus, Deus relativo, tenha sido também confundido com o Deus absoluto!

 

Brooklyn Museum - uma santa mulher limpa o rosto de Jesus (Une femme sainte essuie le visage de Jesus) - James Tissot.jpg

Uma santa mulher limpa o rosto de Jesus. Aquarela opaca de James Tissot

Imagem/fonte: http://commons.wikimedia.org/wiki/Category:The_Life_of_Jesus_Christ_by_James_Tissot#mediaviewer/File:Brooklyn_Museum_-_A_Holy_Woman_Wipes_the_Face_of_Jesus_(Une_sainte_femme_essuie_le_visage_de_J%C3%A9sus)_-_James_Tissot.jpg

 

 

Editoração: Ismael Gobbo, São Paulo,  SP.

Envio: Ismael Gobbo, SP, e, Wilson Carvalho Júnior, Araçatuba, SP

 

 

Em absoluto respeito à sua privacidade, caso não mais queira receber este boletim de notícias do movimento espírita, envie-nos um email solicitando a exclusão do seu endereço eletrônico de nossa lista. Nosso endereço: [email protected]